Confina Brasil 2022 visita pecuaristas de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul em sua segunda rota

Publicado em 13/07/2022 11:16
A segunda parte da pesquisa-expedicionária, promovida pela Scot Consultoria, passa pelos estados do Centro-Oeste de 11 a 22 de julho

A Scot Consultoria, empresa dedicada à coleta, análise e divulgação de informações de mercado do agronegócio brasileiro, promove a segunda rota da terceira edição do Confina Brasil, de 11 a 22 de julho, em confinamentos e semiconfinamentos nos estados que possuem os maiores rebanhos da pecuária nacional.

A iniciativa consiste em visitas de profissionais especializados em pecuária, como engenheiros agrônomos, médicos veterinários e zootecnistas, para o levantamento de informações verdadeiras, adquirindo conhecimento das melhores práticas aplicadas em confinamentos e semiconfinamentos nas diversas regiões produtoras.

A segunda parte da expedição está programada para visitar 38 propriedades em 25 cidades mato-grossenses e sul-mato-grossenses. Assim como na primeira rota, a segunda parte da expedição também terá duas equipes visitando os confinamentos simultaneamente.

O cronograma da “Equipe” 1 será o seguinte:

11 de julho – Santa Rita do Rio Pardo (MS)

12 de julho – Brasilândia (MS)

13 de julho – Aparecida do Taboado e Paranaíba (MS)

14 de julho – Paraíso das Águas e Chapadão do Sul (MS)

15 de julho – Chapadão do Sul e Costa Rica (MS)

18 de julho – Campo Novo do Parecis (MT)

19 de julho – Tangará da Serra (MT)

20 de julho – Tangará da Serra e Santo Afonso (MT)

21 de julho – Diamantino (MT)

22 de julho – Nobres (MT)

Já a “Equipe 2” cumpre outra agenda:

11 de julho – Laguna Carapã e Aral Moreira (MS)

12 de julho – Maracaju (MS)

13 de julho – Dois Irmãos do Buriti e Terenos (MS)

14 de julho – Rio Verde de Mato Grosso (MS)

15 de julho – Coxim e Sonora (MS)

18 de julho – Rondonópolis e Pedra Preta (MT)

19 de julho – Rondonópolis (MT)

20 de julho – Poxoréu e Primavera do Leste (MT)

21 de julho – Campo Verde (MT)

“A primeira rota foi um grande sucesso. Tivemos a oportunidade de conhecer novos trabalhos e identificar investimentos e estratégias diferentes de cada propriedade. Para a segunda etapa, estamos com uma expectativa muito alta. Como temos programação para visitar fazendas de dois dos principais estados quando falamos em pecuária, esperamos ver algo à altura”, destaca a equipe Scot.

Em cada visita, a equipe dará atenção à comercialização do gado confinado, manejo, índices zootécnicos, gestão, nutrição, infraestrutura e sanidade, a fim de analisar e entender a lida diária do pecuarista brasileiro. A expectativa da Scot Consultoria é de que o Confina chegue ao número de 150 propriedades visitadas e cerca de 2,5 milhões de cabeças de gado mapeadas.

Fonte:
Confina Brasil

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário