Exportação de café verde do Brasil cresce 14,2% em março e tem recorde no 1º tri

Publicado em 10/04/2019 09:16 e atualizado em 10/04/2019 10:09
88 exibições

LOGO REUTERS

SÃO PAULO (Reuters) - As exportações de café verde do Brasil em março cresceram 14,2 por cento na comparação anual, para 2,64 milhões de sacas, e fecharam o primeiro trimestre de 2018 em nível recorde para o período, segundo dados de exportadores e do governo.

Do total embarcado em março, 2,47 milhões de sacas foram de café arábica (+10,4 por cento) e 172,74 mil sacas de robusta (+125,7 por cento), informou o Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé) nesta quarta-feira.

Também foram embarcados no mês passado 323,20 mil sacas de café solúvel, queda de 15,5 por cento, e 1 mil sacas de torrado & moído (-42,1 por cento), levando o total exportado pelo Brasil, entre verdes e industrializados, a 2,96 milhões de sacas, alta de 10 por cento.

"Os resultados de exportação de café referentes ao mês de março foram muito positivos. O Brasil apresentou boa performance mesmo estando no período de entressafra... É importante destacar que o país registrou volumes recordes de exportação nos meses de janeiro a fevereiro", afirmou em nota o presidente do Cecafé, Nelson Carvalhaes.

Com efeito, nos três primeiros meses do ano, os envios de café verde pelo Brasil, o maior produtor e exportador global da commodity, totalizaram 9,11 milhões de sacas, alta de 28,8 por cento ante o primeiro trimestre de 2018.

Considerando-se os cafés industrializados, o Brasil registrou exportações de 9,9 milhões de sacas de café no primeiro trimestre, aumento de 25,7 por cento e também uma quantidade histórica para o período.

"Caminhamos para fechamento do ano cafeeiro com ótimos resultados no desempenho, atingindo prováveis 40 milhões de sacas exportadas, um volume recorde histórico para o período", avaliou Carvalhaes, reafirmando previsão feita no mês passado.

(Por José Roberto Gomes)

Tags:
Fonte: Reuters

Nenhum comentário