Café arábica sobe em NY nesta tarde de 2ª, mas julho/19 segue abaixo de 90 cents/lb

Publicado em 20/05/2019 12:36 e atualizado em 20/05/2019 20:24
182 exibições

LOGO nalogo

Os futuros do café arábica operam com alta de mais de 50 pontos nesta tarde de segunda-feira (20) na Bolsa de Nova York (ICE Futures US). O mercado do grão realiza ajustes técnicos depois de queda na sexta e acompanha a safra do Brasil.

Por volta das 12h27 (horário de Brasília), o vencimento julho/19 tinha alta de 55 pontos, cotado a 89,55 cents/lb. Já o setembro/19 avançava 55 pontos, a 91,90 cents/lb e o dezembro/19 tinha valorização de 55 pontos, a 95,40 cents/lb.

O mercado na ICE realiza ajustes técnicos depois de cair forte na última sexta-feira e ficar abaixo do patamar de 90 cents/lb. Além disso, segundo o site internacional Barchart, operadores também acompanham a safra brasileira.

"Os preços do café estão subindo hoje com a preocupação de que as fortes chuvas no Brasil atrasarão a colheita e a secagem do café brasileiro", destacou o Barchart. Chuvas têm sido registradas sobre o cinturão brasileiro.

Ainda de acordo com o site internacional, dados meteorológicos mostram que a precipitação em Minas Gerais, maior estado produtor de café do Brasil, foi de 50,3 mm na semana passada ou 316% da média histórica.

Sérgio Dadona é produtor de café em Coromandel (MG) e diz que em 33 anos de cafeicultura não tinha visto tanta chuva. "Estamos começando os trabalhos de forma manual, porque não tem como colocar as máquinas no campo. Ainda assim, a preocupação com a secagem é grande", afirma.

No Brasil, no último fechamento, o tipo 6 duro era negociado a R$ 389,00 a saca de 60 kg em Guaxupé (MG) e em Poços de Caldas (MG) estavam valendo R$ 380,00.

» Clique e veja as cotações completas do café

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

1 comentário

  • Carlos Rodrigues -

    Só mesmo uma catástrofe natural pode salvar o café ... é impressionante como as produtores ainda resistem...

    0