Procafé: Catucai amarelo 2 SL SF é nova cultivar de cafeeiro resistente à ferrugem

Publicado em 23/09/2019 13:42 e atualizado em 23/09/2019 14:13
181 exibições

Uma nova cultivar de cafeeiros, com boa resistência á ferrugem, surge da seleção feita sobre o material de Catucai 2SL, adicionando, assim, mais uma característica importante para seu cultivo.

O material genético de cafeeiros conhecido com Catucai foi oriundo de uma população de plantas da cultivar Icatu, onde apareceram cafeeiros de porte baixo, resultado do cruzamento natural com Catuai. O trabalho de seleção foi iniciado em 1985 e as melhores plantas foram plantadas na Fda Experimental de Varginha, seguindo-se seleções em várias gerações.

Uma das cultivares obtidas nesse processo de seleção foi a Catucai amarelo 2 SL, que se mostrava bem produtiva, vigorosa e resistente à ferrugem. No entanto, com o passar dos anos, provavelmente em função da ocorrência de novas raças do fungo causador da doença, o material passou a ser susceptível à ferrugem, embora o controle químico nesse material se mantenha facilitado.

Nos últimos anos, em observações feitas em campo, sobre cafeeiros adultos da cultivar Catucai amarelo 2 SL, foram observadas algumas poucas plantas que mantêm a resistência, dando origem a uma nova seleção. Esse trabalho foi efetuado a partir de 2016 em campos de observação no Sul de MG, em Varginha e Eloy Mendes. A melhor planta, que apresentava bom vigor, boa produtividade e imunidade à ferrugem, sob alta pressão da doença, foi selecionada e dela foi derivada nova geração. Para isso, o material foi plantado, em parcelas de experimentos juntamente com outros materiais, resistentes e susceptíveis e num campo maior de de multiplicação na Fda Experimental da Fundação Procafé em Varginha. Com as plantas desses campos, atingindo os 2 anos de idade, foi efetuada uma avaliação da infecção da ferrugem, por verificação na folhagem das plantas, planta por planta.  Enquanto plantas ao lado, de outros materiais, susceptíveis, apresentavam, alto percentual de doença na folhagem e, já, significativa desfolha, as plantas das parcelas de Catucai 2 SL não mostravam presença de infecções pela ferrugem. Verificou-se, apenas, em algumas folhas, a presença de flecks, ou seja, reação de resistência ao fungo da ferrugem, constatando-se, assim, a presença de resistência do tipo horizontal e do tipo vertical, em alto nível.

Em função desse resultado, de alta resistência à ferrugem, constatado na nova geração da Cultivar Catucai amarelo 2SL, foi possível derivar nova cultivar, denominada Catucai amarelo 2 SL SF, agregando SF, que significa sem ferrugem, a qual começará a ser distribuída, já a partir de 2020, com essa nova designação, agregando maior valor ao material 2 SL, já conhecido e bastante cultivado nas diferentes regiões do pais, pelas suas boas características de vigor e produtividade.

Procafé

Procafé

S.R. de Almeida, J.B. Matiello e Lucas Bartelega- Engs Agrs Fundação Procaf

Tags:
Fonte: Procafé

0 comentário