Café: Mercado limita baixas, mas segue operando no negativo em NY e Londres

Publicado em 14/06/2021 11:54 e atualizado em 14/06/2021 12:50 291 exibições
Setembro/21 com queda de 300 pontos, valendo 156,60 cents/lbp

LOGO nalogo

O mercado futuro do café arábica segue operando com desvalorização para os principais contratos no pregão desta segunda-feira (11) nas bolsas de Londres e Nova York. Os contratos chegaram a cair mais de 500 pontos nas primeiras horas do pregão. 

Por volta das 11h50 (horário de Brasília), setembro/21 tinha queda de 300 pontos, valendo 156,60 cents/lbp, dezembro/21 registrava queda de 305 pontos, negociado por 159,50 cents/lbp, março/22 tinha baixa de 305 pontos, valendo 162,10 cents/lbp e maio/22 tinha baixa de 300 pontos, valendo 163,40 cents/lbp. 

Em Londres, o café tipo conilon também segue operando com baixas. Setembro/21 tinha queda de US$ 27 por tonelada, valendo US$ 1592, novembro/21 registrava queda de US$ 24 por tonelada, negociado por US$ 1614, janeiro/22 tinha queda de US$ 23 por tonelada, valendo US$ 1629 e março/22 registrava queda de US$ 24 por tonelada, valendo US$ 1640.

As quedas expressivas chamaram atenção do setor no primeiro pregão depois dos dados da Cecafé, divulgados na última sexta-feira (11), que indicaram uma redução de 20% nos embarques do Brasil, quando comparados com o mesmo período do ano passado, com 2,6 milhões de sacas exportadas. "Eu fiquei surpreso com o volume de café exportado, é um número muito baixo para o mês de maio depois da safra que tivemos", comenta Haroldo Bonfá. 

O mercado segue acompanhando as condições das lavouras brasileiras, que devem ter uma semana de temperaturas amenas e tempo seco. Além do Brasil, o setor segue acompanhando as condições da Colômbia, que segue com os embarques comprometidos. 

Leia Mais:

+ Mesmo após quedas nas exportações, café abre semana recuando forte em Nova York e em Londres

Tags:
Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário