Exportações de carnes totalizam US$ 253,3 milhões na 1ª semana de setembro

Publicado em 09/09/2015 11:41

As exportações brasileiras de carnes na primeira semana de setembro totalizaram US$ 253,3 milhões, resultado que mostra uma continuidade na recuperação dos embarques das proteínas animais que vinham fracos desde o inicio deste ano.

O destaque ficou para a carne suína 'in natura' que de acordo com dados divulgados pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex), apresentaram um avanço de 107,2% na receita de setembro em comparação com o mês passado. No total foram exportados US$ 41,8 milhões, com uma média diária de 10,5 milhões de dólares.

O setor também apresentou crescimento no volume exportado. No acumulado do período a saída diária foi de 3,7 mil toneladas, valor 125,3% superior ao registrado no mesmo período de 2014.

Em ritmo de crescimento desde maio, as exportações brasileiras de carne suína in natura acumulam um crescimento de 7,8% nos oito primeiros meses de 2015 frente ao mesmo período do ano passado, com total de 284,5 mil toneladas exportadas até agosto, segundo dados da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).

Carne Bovina

Mesmo diante do declínio da demanda dos países dependentes das receitas do petróleo, as exportações brasileiras de carne bovina têm apresentado recuperação nos últimos meses. Os volumes e receitas ainda estão abaixo do registrado no ano passado, mas a desvalorização do real frente o dólar está proporcionando novo fôlego para os embarques.

O saldo no acumulado do período foi de US$ 101,5 milhões, apresentando uma média diária de US$ 25,4 milhões, valor 31,9% acima do registrado no mês passado e 26,5% superior a setembro de 2014. Em volume a saída totalizou 21,7 mil toneladas, embarcando 5,4 mil toneladas/dia.

Ainda assim, é importante ressaltar que o desempenho das exportações de carnes na primeira semana de setembro pode ter sofrido influência do feriado do dia 7, onde tradicionalmente os embarques são antecipados. Por isso, é necessário acompanhar os novos resultados que serão divulgados pela Secex na próxima segunda-feira (14).

Frango

Os embarques de carne de frango da primeira semana de setembro (4 dias úteis) totalizaram  72,4  mil t, com média diária de 18,1 mil toneladas. Os números representam aumento de 10,2% em relação à média diária de agosto, enquanto em comparação com setembro de 2014 o crescimento chega a 20,1%.

Em receita, os embarques somam US$ 110 milhões, apresentando uma média de US$ 27,5 milhões/dia. Esse valor representa um aumento de 1,6% em relação à média do mês anterior e redução de 4,6% ao mesmo período de 2014.

Com o bom desempenho dos embarques neste ano, os preços do frango vivo tem demonstrado recuperação na maior parte das praças de comercialização. “O bom ritmo das exportações tem reduzido a disponibilidade interna. Com a oferta mais enxuta, grande parte das indústrias tem relatado dificuldade para adquirir animais vivos para abate neste início de setembro”, informa em nota o Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada). De acordo com os pesquisadores, para atender a demanda aquecida, produtores têm abatido lotes de frango com peso menor que o considerado ideal.

Tags:
Por:
Larissa Albuquerque
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário