HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

Semana começa com chuvas no Sul do Brasil e com chance de um novo ciclone extratropical

Publicado em 25/01/2021 10:08 e atualizado em 25/01/2021 14:58 4437 exibições
Vórtice segue impedindo chuvas em Goiás, Minas Gerais, Espírito Santo e oeste da Bahia

LOGO nalogo

A semana começa com previsão de chuvas para a região Sul do Brasil. De acordo com a climatempo, uma frente fria vai avançar pela Argentina, em direção ao Brasil, provocando a intensificação dos ventos no Rio Grande do Sul. "Associado à frente fria, há indicação da formação de um ciclone extratropical, entre a quarta e quinta-feira, dias 27 e 28 de janeiro, no trecho entre o Estuário do Prata e o litoral sul gaúcho. Este sistema vai provocar vento intenso no Rio Grande do Sul", destaca a publicação. 

Falando em volumes, o modelo Cosmo do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) sinaliza para chuvas entre 20 e 30 mm já nesta segunda-feira (25) na região. No Rio Grande do Sul, a tendência é de chuvas na região norte do país, com destaque para o extremo norte onde os volumes poderão ser ainda mais expressivas. 

O modelo prevê ainda chuvas entre 20 e 30 mm em todas áreas de Santa Catarina e condição de chuvas para o Paraná, porém com volumes mais baixos. 

A Climatempo destaca ainda que entre quarta e quinta-feira é prevista a formação do ciclone, que acontece no trecho do litoral entre o Estuário do Prata e o litoral sul gaúcho. Este sistema provoca ventos fortes nesse trecho da costa, com rajadas chegando a 100km/h.

Veja o mapa de previsão de precipitação para as próximas 93 horas: 

93 horas - Inmet - 2501
Fonte: Inmet


A atualização do modelo GFS, divulgada nesta segunda-feira (25) pela Administração Oceânica e Atmosférica (NOAA) indica que os maiores volumes são esperados para a região sul do Brasil nos próximos sete dias. De acordo com o NOAA, toda a região deve registrar acumulados de até 125 mm no período. 

Para as demais áreas do país, o modelo de previsão estendida sinaliza para chuvas em todo o Centro-Oeste, sendo os maiores volumes previstos para o Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, com precipitação entre 50 e 60 mm. Em Goiás, a tendência continua sendo de tempo estável para maior parte do estado. 

Entre 25 de janeiro e 2 de fevereiro, o modelo mantém a atuação do vórtice ciclônico para áreas de Minas Gerais, oeste da Bahia e também no Espírito Santo. De acordo com o NOAA, as condições devem mudar apenas na primeira semana de fevereiro, quando o sistema perde força e permite a passagem de umidade em todo o estado de Minas Gerais, Espírito Santo oeste da Bahia e também no leste de Goiás. 

Veja o mapa de previsão estendida para todo Brasil: 

NOAA - 2501
Fonte: NOAA 


 

Segundo dados coletados nas estações meteorológicas do Inmet, os maiores volumes de chuva foram registrados na parte Sul do Brasil. O norte do Rio Grande do Sul registrou acumulados entre 20 e 30 mm. Em Santa Catarina o acumulado ficou entre 25 mm e 40 mm, enquanto no Paraná as chuvas ficaram entre 15 mm e 25 mm. 

Também foram registradas chuvas, de forma irregular, no Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, com precipitação entre 20 mm e 30 mm. 

Veja o mapa de precipitação acumulada nos últimos três dias: 

Últimos três dias - Inmet - 2501
Fonte: Inmet 

Fota Ramil Soja com chuva chegando, Itaipulândia Pr.
Foto: Ramil Soja com chuva chegando, Itaipulândia/PR

Forte incidência de cigarrinha do Milho na fase inicial da cultura em Naranjal-Paraguay. Foto: Cledison Conte
Forte incidência de cigarrinha do Milho na fase inicial
da cultura em Naranjal-Paraguay. Foto: Cledison Conte

Lavoura de soja no município de Itaipulândia Pr. Envio de Ramil J. dos Santos
Lavoura de soja no município de Itaipulândia/PR
Envio de Ramil J. dos Santos

Envie sua foto ou vídeo e apareça aqui no Notícias Agrícolas! Fale com a gente através do WhatsApp (19) 99767-0241, direct no Instagram @noticiasagricolas ou use a hashtag #imagensdodia


 

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário