HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

Previsão indica mais um dia de chuvas intensas no centro-norte do Brasil nesta terça-feira

Publicado em 09/02/2021 10:06 e atualizado em 09/02/2021 10:37 3169 exibições
Maiores volumes continuam previstos para Minas Gerais; circulação dos ventos favorece avanço das chuvas

LOGO nalogo

A terça-feira (9) será mais um dia de chuvas intensas no centro-norte do país. De acordo com a Climatempo, uma frente fria está se afastando da região Sudeste, mas a circulação dos ventos sobre o Brasil mantém grandes áreas de instabilidade entre o Sudeste, Nordeste e centro-norte do país. "Nuvens bastante carregadas crescem em parte dessas regiões provocando fortes pancadas de chuva", afirma a consultoria. 

Em relação aos volumes de chuva, o modelo Cosmo do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), segue indicando um dia de precipitação expressiva em Minas Gerais. De acordo com o modelo, o centro-norte mineiro deve registrar chuvas entre 20 mm e 30 mm nas próximas 24 horas.

Ainda no Sudeste, as chuvas também chegam com mais força no Espírito Santo, com destaque para a região Sul que deve receber os maiores volumes. Há ainda previsão de chuvas para São Paulo e Rio de Janeiro, porém com volumes mais baixos. 

A circulação dos ventos também favorece as chuvas no oeste da Bahia, com previsão de precipitação entre 20 mm e 30 mm. Ainda no Matopiba, volta a chover de forma mais expressiva no Maranhão e no Piauí, com previsão de acumulado de até 40 mm em alguns pontos. 

Segundo a Climatempo, a terça-feira tem alerta para temporais no no litoral e no norte do Amapá, no centro-sul e leste do Amazonas, no oeste , no centro-norte e leste de Rondônia, no centro-sul e leste do Pará, no norte do Tocantins, no centro sul do Maranhão e do Piauí e também no centro-oeste da Bahia. O norte e o leste de Minas Gerais e o Espírito Santo continuam em alerta para temporais nas próximas 24 horas. 

Para o Centro-Oeste, o modelo do Inmet segue sinalizando chuvas na região norte do Mato Grosso, com previsão de precipitação entre 20 mm e 30 mm. O modelo mostra condição de chuvas para Goiás, porém com volumes mais baixos, enquanto o Mato Grosso do Sul deve permanecer com tempo estável nas próximas 24 horas. 

Já para a região Sul do Brasil, a consultoria destaca que as temperaturas voltam a subir em toda a região. "A umidade também está aumentando. O sol aparece forte, mas há previsão de chuva a partir da tarde sobre o Rio Grande do Sul, no extremo oeste de Santa Catarina e na região de Foz do Iguaçu, no Paraná", afirma a previsão. 

Veja o mapa de previsão de precipitação para as próximas 93 horas: 

93 horas - Inmet - 0902
Fonte: Inmet 

 

Últimas 24 horas 


Conforme indicavam as previsões, os maiores volumes de chuvas foram registrados na região Sudeste do Brasil nas últimas 24 horas. 

De acordo com dados coletados nas estações meteorológicas do Inmet, áreas do centro-leste de Minas Gerais registrou precipitação entre 30 mm e 40 mm. Os mesmos acumulados foram registrados na região central do Espírito Santo. 

Também choveu em Goiás, com acumulado entre 20 e 30 mm no centro-norte do estado. No Mato Grosso, apenas o extremo leste do estado registrou chuvas - com 20 mm de precipitação. As demais áreas do país não registram acumulados expressivos de chuva. 

Veja o mapa de precipitação acumulada nas últimas 24 horas: 

24 horas - Inmet - 0902
Fonte: Inmet 

Lavoura de soja no município de Jataí (GO) - Eng. Agr. Hildo Antônio
Lavoura de soja no município de Jataí (GO) - Eng. Agr. Hildo Antônio

O pequeno João Gabriel na lavoura de soja em Taquarussu (MS) - Claudiney Bachiega
O pequeno João Gabriel na lavoura de soja em Taquarussu (MS) - Claudiney Bachiega

Colheita noturna de soja na Fazenda Itaipú no município de São José do Rio Claro (MT) - Deivid Rozendo
Colheita noturna de soja na Fazenda Itaipú no município de São José do Rio Claro (MT) - Deivid Rozendo

Envie sua foto ou vídeo e apareça aqui no Notícias Agrícolas! Fale com a gente através do WhatsApp (19) 99767-0241, direct no Instagram @noticiasagricolas ou use a hashtag #imagensdodia
 

 

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário