HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

Primeira semana de maio terá nova massa de ar frio e temperaturas podem cair mais de 10ºC no Sul

Publicado em 29/04/2021 11:19 5177 exibições
Tendência é que esse sistema seja ainda mais intenso, aumentando risco de geada

LOGO nalogo

As temperaturas mais baixas já começaram a ser registradas no Sul do Brasil nesta semana, com a entrada de uma massa de ar seco e frio no país. A tendência, segundo o meteorologista Olívio Bahia, é que a partir de agora o frio fique cada vez mais intenso. Os modelos meteorológicos de previsão, tanto o GFS, como o modelo Cosmo do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), indicam que a primeira semana de maio será marcada pela entrada de uma nova massa de ar frio, ainda mais intensa. 

De acordo com o especialista, a tendência é que a frente fria entre pelo Rio Grande do Sul, na fronteira com o Uruguai, a partir da quarta-feira (5) derrubando tanto as temperaturas mínimas, quanto as máximas no estado. Os modelos indicam que o sistema deve ganhar força e no 6, quinta-feira, as temperaturas máximas podem cair até 14ºC, enquanto as mínimas podem diminuir 10 graus na semana que vem. 

"A gente pode observar, pelo modelo GFS, que esse sistema vai entrar por Uruguaiana e posteriormente derruba as temperaturas na faixa oeste do Brasil. O frio vai ficar muito intenso também no Paraguai e chega ao Brasil", acrescenta. 

As previsões são semelhantes ao que mostra o modelo Cosmo, que aponta a atuação da massa de ar seco e frio em todo o Rio Grande do Sul, avançando aos poucos pelo oeste do Brasil, inclusive nas áreas de divisa do Mato Grosso do Sul. O meteorologista explica ainda que com a chegada do mês de maio, a tendência é que as massas se tornem cada mais frequentes e intensas, aumentando a chance de geadas pelo país, condição que precisa ser observada a cada dia. 

Veja o mapa de previsão de temperatura do ar nos próximos dias:

Tendência de frio - Inmet - 290421
Fonte: Inmet

 

Em relação aos sistemas de chuva, o modelo de previsão estendida mantém a previsão de tempo seco para a maior parte do país, indicando com condição de chuvas apenas nas extremidades do Brasil. 

No período entre 29 de abril e 7 de maio, o modelo indica chuvas entre 35mm e 50mm no Rio Grande do Sul. A rodada anteriro previa chuvas para áreas de Santa Catarina e Paraná, mas a última atualização reduziu a chance de chuvas nos dois estados. 

A partir do dia 7, o modelo corta as precipitações também no Rio Grande do Sul. De acordo com o previsão, a maior parte do país deve ter uma estiagem de, pelo menos, sete dias. Há possibilidade de chuvas pontuais entre Paraná e São Paulo, porém com volumes baixos. 

Veja o mapa de previsão entendida para todo Brasil: 

Previsão estendida
Fonte: NOAA 

A netinha Maria Eduarda de 2 anos acompanhando o vovô em Tangarra da Serra (MT) - Produtor Rural Antônio Guzatti
A netinha Maria Eduarda de 2 anos acompanhando o vovô em Tangarra da Serra (MT) - Produtor Rural Antônio Guzatti

Envie sua foto ou vídeo e apareça aqui no Notícias Agrícolas! Fale com a gente através do WhatsApp (19) 99767-0241, direct no Instagram @noticiasagricolas ou use a hashtag #imagensdodia

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário