HOME VÍDEOS NOTÍCIAS METEOROLOGIA FOTOS

Extremos: Brasil tem chuvas no Sul e no Nordeste, mas massa de ar seco intensa na região Central

Publicado em 23/06/2022 06:01 e atualizado em 23/06/2022 15:18
Sul do Brasil terá mais um dia de alerta para tempestade e Centro-Oeste e Sudeste previsão de baixa umidade do ar

Logotipo Notícias Agrícolas

As previsões meteorológicas mais recentes indicam que o Brasil terá dois cenários extremos nas próximas 24 horas. Enquanto a massa de ar seco ganha força na região Central do país, os riscos de tempestade aumentam na região Sul do Brasil nesta quinta-feira (23). 

De acordo com a Climatempo, uma área de baixa pressão atmosférica se intensifica na costa de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul e ajuda a manter as áreas de instabilidade que já estão sobre estes estados. 

A tendência é de chuva na maior parte do Sul do Brasil. "O sudoeste e o sul do Paraná, o litoral norte de Santa Catarina, a Grande Florianópolis e o Vale do Itajaí devem ter pancadas de chuva à tarde e à noite", afirma a consultoria. 

Com relação aos volumes, o modelo Cosmo do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) indica acumulados entre 20mm e 30mm no extremo norte do Rio Grande do Sul e em áreas de Santa Catarina nas próximas 24 horas. Para o Paraná, o Inmet prevê chuva apenas em áreas pontuais do extremo sul do estado e com volumes baixos.

"Chove a qualquer hora nas demais áreas de Santa Catarina e a chuva pode ser forte. O dia fica chuvoso no leste e norte do  Rio Grande do Sul. O centro, sul e oeste gaúcho tem céu nublado e chuviscos", complementa a Climatempo. 

A tendência é que continue chovendo até sexta-feira no Sul do Brasil, mas no dia 25 as chuvas passam a ficar restritas apenas para algumas áreas do Rio Grande do Sul, entre o centro e leste do estado, com acumulados entre 20mm e 40mm. 

Veja o mapa de previsão de precipitação no Sul do Brasil nos próximos dias: 
 

Sul
Fonte: Inmet

Para as demais áreas do Brasil, apenas áreas do Nordeste devem receber chuva nas próximas 24 horas. A consultoria destaca que áreas de instabilidade espalham em áreas do Nordeste, com destaque para os estados do Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe. 

No Centro-Oeste e no Sudeste, a massa de ar seco continua impedindo o avanço das chuvas e mantém a condição de baixa umidade relativa do ar nas horas mais quentes do dia. As duas regiões, desde o início desta semana, já sentem as características do inverno, que começou oficialmente no último dia 21 de junho. 

Alerta para o ar muito seco, com níveis de umidade do ar entre 12% e 21% em Goiás (exceto no nordeste do estado), leste e sudeste de Mato Grosso, nordeste de Mato Grosso do Sul, norte de São Paulo e sudoeste de Minas Gerais.

Veja o mapa de previsão de precipitação nas próximas 93 horas: 
 

GIF 23-06-2022 06-04-54
Fonte: Inmet 
Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário