HOME VÍDEOS NOTÍCIAS METEOROLOGIA FOTOS

Nova frente fria favorece nuvens carregadas no Sul do Brasil; frio vem logo atrás

Publicado em 28/06/2022 11:05
Chuva não deve ter força para romper bloqueio atmosférico e maior parte do país continua com tempo extremamente seco

Logotipo Notícias Agrícolas

A formação de uma nova frente fria entre Brasil, Argentina e Uruguai vai aumentar as áreas de instabilidade no Sul do Brasil ao longo desta terça-feira (28). De acordo com a Climatempo, até o período da noite o sistema estará completamente organizado, avançando também para Santa Catarina e Paraná. "Mas a maior parte da chuva das áreas de instabilidade desta frente fria vai cair sobre o Rio Grande do Sul.

Com relação aos volumes, o modelo Cosmo do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) prevê acumulados entre 40mm e 50mm no extremo sul do Rio Grande do Sul nas próximas 24 horas. Nas demais áreas do estado até o extremo sul de Santa Catarina, não há previsão de chuvas significativas no período. 

Segundo o Inmet, os modelos também mostram o avanço para Santa Catarina e Paraná até o final do dia 29, mas mantêm a condição de chuva com volumes baixos nessas áreas. A frente fria não deve ter força para quebrar o bloqueio atmosférico. 

Para as demais regiões do país, não há previsão de mudanças significativas nas próximas horas. "Uma grande massa de ar seco predomina sobre o Brasil e deixa a maior parte do país com pouca nebulosidade e baixos índices de umidade do ar.  Esta massa de ar seco também tem impedido a entrada do ar frio sobre o interior do país nos últimos dias", complementa a Climatempo. 

Veja o mapa de previsão de precipitação nas próximas 93 horas: 

GIF 28-06-2022 11-06-10
Fonte: Inmet 

"Na quarta-feira a chuva já diminui na maior parte da Região, apesar da variação de nuvens, só chove em parte do leste do estado e sem valores expressivos. Na quinta, o destaque será o frio da madrugada, por causa da massa de ar frio. Com isso, o dia deve começar com geada em alguns pontos na Campanha Gaúcha e nas Serras Gaúcha e Catarinense, além do Planalto Catarinense", afirma a previsão. 

Nos primeiros dias de julho outra frente fria deve se formar pelo Sul do Brasil. Segundo a Climatempo, na próxima sexta-feira áreas de instabilidade devem favorecer a formação de nuvens carregadas no centro-sul do Rio Grande do Sul. 

Junto com esse sistema, uma nova massa de ar frio deve derrubar as temperaturas na região. Até a manhã desta terça-feira, a consultoria destava que a intensidade do frio deve ser intensa, aumentando o risco de geada no Sul do Brasil. 

Veja o mapa de previsão da atuação da massa de ar frio no Brasil: 

GIF 28-06-2022 11-07-48
Fonte: Inmet 

 

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário