Frango Vivo: Aumento nos custos de produção impulsiona alta nas cotações

Publicado em 16/09/2015 18:24

Nesta quarta-feira (16), os preços para o frango vivo se mantiveram estáveis nas principais praças de comercialização. Nos últimos dias, diversas regiões apresentaram aumento nas cotações, em que São Paulo e Minas Gerais praticam os maiores valores pagos aos produtores independentes - a R$ 2,90/kg e R$ 3,10/kg, respectivamente.

Segundo o analista da Safras & Mercado, Fernando Henrique Iglesias, as cotações vêm apresentaram alta nas últimas semanas como reflexo do aumento dos custos de produção. Com a valorização dos preços para o milho - no período em que o mercado deveria ter redução com a colheita da safrinha - e também do farelo de soja - por ser o período de entressafra -, os avicultores tem enfrentando aumento significativo nos custos de produção.

Diante deste cenário, o analista acredita que novas altas devem ser registradas mesmo na segunda quinzena do mês, quando há uma menor procura pela proteína. “Com o alto custo de produção, a alta se torna necessária para compensar as margens. É preciso repassar os custos”, ressalta Iglesias.

Já a demanda, está aquecida tanto no cenário internacional, quanto no mercado doméstico – principalmente por ser uma opção mais barata, que outras proteínas concorrentes. A oferta também está equilibrada. 

» Acesse as cotações na íntegra para o frango vivo

Tags:
Por:
Sandy Quintans
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário