Frango Vivo: Paraná apresenta nova alta de preços, enquanto São Paulo permanece estável

Publicado em 30/09/2015 18:11

Nesta quarta-feira (30), o frango vivo apresentou valorização de preços no Paraná. Em Toledo (PR), as cotações subiram 2,28%, com o quilo sendo negociado a R$ 2,24%. No início da semana, o preço médio do estado também registrou valorização, ficando em R$ 2,47/kg. Já na praça paulista são mais de 15 dias de estabilidade, após sucessivas altas que levaram o vivo a R$ 2,90/kg.

Segundo analistas, com a virada do mês o mercado pode registrar novas altas de preços, devido ao recebimento dos salários. Na última semana, de acordo com o analista da Safras & Mercados, Fernando Henrique Iglesias, os preços para o vivo não reagiram como o previsto, mesmo que a demanda permanece aquecida. Uma das razões para as poucas alterações pode ter sido pela reposição mais lenta, que acontece na segunda quinzena do mês.

Os custos de produção têm sido um dos principais fatores para a necessidade de aumento nos preços para o frango vivo. De acordo com dados divulgados nesta terça-feira pela Embrapa Suínos e Aves, que em agosto os custos de produção atingiram o segundo maior patamar da história. A alta do ICPFrango/Embrapa foi de 0,69% em relação a julho deste ano, atingindo 179,21 pontos. Em comparação com agosto de 2014 esta alta é de 12,33%.

O maior responsável pela o aumento nos custos foi a nutrição, que teve valorização de 0,72% em comparação com o mês anterior, enquanto  no acumulado dos últimos doze meses, este crescimento foi de 8,34%

» Custos de produção: ICPSuíno/Embrapa chega a valor recorde em agosto

» Acesse as cotações na íntegra para o frango vivo

Tags:
Por:
Sandy Quintans
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário