Suinocultor paulista amarga prejuízo de até R$ 175,00 por animal vivo vendido, aponta presidente da APCS

Publicado em 25/02/2021 14:31 294 exibições
Na última semana, total de suínos vendidos no mercado independente somou perda de R$ 3,2 milhões

LOGO nalogo

Mesmo com as altas vistas durante fevereiro nos preços do suíno vivo no mercado independente, os custos de produção têm pressionado os produtores. No mercado paulista, segundo o presidente da Associação Paulista de Criadores de Suínos (APCS), Valdomiro Ferreira, aponta que o prejuízo o suinocultor de São Paulo chega a R$ 175,00 por animal. 

Na última quinta-feira (18), a negociação na Bolsa de Suínos não resultou em acordo, e os suinocultores solicitavam R$ 150,00 por arroba aos frigoríficos. "Entre a última quinta-feira e hoje (25) foram vendidos 18.300 animais a R$ 150,00 a arroba, o que, frente aos custos de produção, somou um prejuízo de R$ 3,2 milhões", disse Ferreira. 

Colocando na ponta do lápis a relação de troca com a saca de milho, que vale em torno de R$ 84,00 em São Paulo, o ideal seria que uma arroba suína comprasse 2,5 sacas de milho, mas a realidade é de poder de compra de 1,78 sacas do cereal. 

"A análise é de que o consumo está andando de lado, e isso é nesse argumento que os frigoríficos estão se sustentando. Isso acaba inibindo qualquer tentativa de forçar o mercado para cima", pontuou. 

Por:
Letícia Guimarães
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário