Em 2020, mais de um quarto da carne de frango exportada no mundo teve por destino China e Japão

Publicado em 22/04/2021 08:17 153 exibições


Pelo acompanhamento da FAO, após o embargo da Rússia à carne de frango norte-americana, a liderança mundial na importação de carne de frango pertenceu ao Japão. Que perdeu a posição para a China em 2019, em função da carência chinesa de carnes com a peste suína africana.

No ano passado, o Japão reduziu suas importações em cerca de 7%, mas, ainda assim, manteve a segunda posição no ranking, absorvendo aproximadamente 10% do volume transacionado internacionalmente. E como, no ano, a China aumentou importações e participação em mais de 54%, ambos absorveram mais de um quarto das importações mundiais de carne de frango – mais exatamente, 27,4%.

Em 2020 as importações mundiais de carne de frango aumentaram menos de meio por cento em relação a 2019, pois – em decorrência sobretudo dos desdobramentos da pandemia – 70% dos 10 principais importadores mundiais reduziram suas compras. Ou seja: além da China, apenas Rússia e Canadá aumentaram ligeiramente a importação do produto.

A observar que, dos 10 maiores importadores de carne de frango, quatro deles (China, Japão, Arábia Saudita e África do Sul) estão entre os cinco maiores importadores do Brasil (na realidade deveriam ser cinco, mas a FAO não relacionou os Emirados Árabes Unidos que, posicionados na quarta posição do ranking brasileiro, importaram do Brasil em 2020 mais de 300 mil toneladas de carne de frango e, portanto, se colocam à frente de Cuba).
 

Fonte:
AviSite

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário