Argentina: Com aumento do preço da farinha de trigo, pão volta a subir

Publicado em 10/10/2013 15:46
1715 exibições

O secretário geral da Federação das Indústrias Panificadoras da Província de Buenos Aires (Fippba), Emílio Mjori, confirmou hoje que o quilo do pão na Argentina passará a custar entre 18 (R$6,71) e 22 pesos (R$8,21) devido ao aumento do preço da farinha de trigo.

"O preço do pão a 10 pesos (R$3,73) era apenas um paliativo por 30 dias", explicou o industrial, ao se referir à iniciativa do secretário de Comércio Interior, Guillermo Moreno.

O funcionário havia estabelecido em junho um acordo entre os panificadores e a indústria moageira para que seis unidades de pão francês fossem vendidas por este valor. De acordo com este convênio, os moinhos deveriam entregar a saca de 50kg de farinha para as padarias a preço diferenciado.

Majori destacou que o "forte aumento" da farinha derivou em um incremento do valor do pão em cerca de 13% e salientou que o custo da matéria prima irá continuar aumentando.

O secretário apontou que os panificadores estavam pagando cerca de 230 (R$85,90) a 240 pesos (R$89,60) pelo saco de 50kg de farinha, mas nesta quarta-feira (9) eles tiveram que pagar 310 pesos (R$115,72), o que representa um acréscimo entre 20% a 25%.

Os fatores climáticos adversos prejudicaram a safra de trigo na Argentina. A expectativa é de que a safra não ultrapasse 12 milhões de toneladas. Segundo o Presidente do Moinho Pacífico, Lawrence Pih, no final de setembro os moinhos tentavam comprar trigo da próxima safra argentina, mas os produtores e exportadores do país não estavam vendendo, com receio de alguma medida do governo para coibir a exportação.

Com informações do InfoCampo

Tags:
Por: Izadora Pimenta
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário