Milho na semana: Dificuldades logísticas limitam negócios e preços ficam estáveis

Publicado em 22/02/2013 13:47 544 exibições
A semana para o mercado do milho brasileiro foi de problemas logísticos e dependência da entrada da safra de verão. Segundo informação da Safras & Mercado, o frete caro e difícil, em função da concorrência com a soja e o avanço da colheita em algumas regiões foram determinantes para os preços.

Ontem (21) a cotação comprador/vendedor em Cascavel (PR) ficou a R$27/R$28. Em Erechim (RS) saca negociada em R$30/R$31. Em Rio Verde (GO) preço a R$26/R$27. Uberlândia (MG) em R$28/R$29. Rondonópolis (MT), preço a R$16/R$20. Na Mogiana (SP) saca a R$28/R$29 e Campinas CIF preço em R$32,50/R$33.

No Porto de Paranaguá, o preço da saca comprador/vendedor ficou em R$30/R$31, mas com a maior parte do dias sem ofertas e sem negócios.

Safra

De acordo com levantamento da Safras & Mercado, a colheita do milho verão chegou a 17,4% da área estimada até 15 de fevereiro na região Centro-Sul do país. Já o plantio do milho safrinha evoluiu 33,9% da área estimada. No mesmo período do ano passado, o cultivo da segunda safra era de 29,4%.

Tags:
Por:
Ana Paula Pereira
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

1 comentário

  • MARCIO GENCIANO DOS SANTOS Ivaiporã - PR

    O mercado de milho no Brasil vem perdendo força desde de novembro de 2012, em 27 de novembro publiquei um artigo no NA onde mencionava as oportunidades que o mercado de milho oferecia naquela época,preços melhores somente com quebra de safras ou seja, no segundo semestre..

    0