Leves quedas deixam o milho próximo da estabilidade em Chicago

Publicado em 20/03/2019 12:43 e atualizado em 20/03/2019 17:17
181 exibições

LOGO nalogo

A Bolsa de Chicago apresenta leves quedas nos preços do milho futuro, mantendo os valores próximos das estabilidade nessa quarta-feira (20). As principais cotações registravam desvalorizações entre 0,25 e 0,50 pontos negativos por volta das 12h14 (horário de Brasília).

O vencimento maio/19 era cotado a US$ 3,71, o julho/19 valia US$ 3,80 e o setembro/19 era negociado por US$ 3,87.

Segundo análise de Bryce Knorr da Farm Futures, os preços do milho são mais estáveis após uma sessão tranquila durante a noite. As negociações comerciais entre os EUA e a China também estão produzindo correntes mistas.

Negociadores se encontrarão novamente na China na próxima semana, apesar de questões espinhosas não relacionadas à agricultura, como no campo da tecnologia, permanecerem antes que um acordo possa ser assinado.

Outra preocupação do mercado é pontada pela Successful Farming, através do analista Tony Dreibus. Agricultores que perderam maquinário ou gado são encorajados a reportar perdas ao escritório da Agência de Serviços Agrícolas. Os representantes da Agência Federal de Gerenciamento de Emergências (FEMA) estão em Lincoln e trabalharão com a NEMA em uma declaração de emergência para a Casa Branca.

Ontem, o vice-presidente americano Mike Pence visitou Nebraska e várias regiões que declararam situação de emergência. Ao todo, 65 municípios dos 93 do estado declararam emergência, 70% do total.

“Eu acho que nós nunca não tivemos um desastre tão disseminado no estado”, disse o governador Pete Ricketts no comunicado da NEMA. “Tivemos desastres em que tivemos uma perda maior de vida, mas quanto a quantos lugares foram tocados por isso, não acho que tenha havido um desastre tão disseminado em Nebraska.”

B3

A bolsa brasileira também segue essa tendência internacional e registra leves quedas nos futuros do milho. As principais cotações apresentavam desvalorizações entre 0,28% e 1,60% negativo por volta das 12h20 (horário de Brasília).

O vencimento maio/19 era cotado a R$ 35,65, o julho/19 valia R$ 33,45 e o setembro/19 era negociado por R$ 33,61.

De acordo com a Agrifatto Consultoria, os preços futuros do milho continuam em trajetória de queda. O contrato para setembro alcançou seu menor patamar desde que passou a ser negociado. Nos últimos 30 dias, o contrato para setembro acumula queda de 7,37%.

Já o vencimento para maio, tem queda acumulada próxima a 10% na comparação mensal.

Tags:
Por: Guilherme Dorigatti
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário