Trump anuncia tarifas para o México e milho abre a 6ªfeira se desvalorizando em Chicago

Publicado em 31/05/2019 09:16 e atualizado em 31/05/2019 12:40
1237 exibições

LOGO nalogo

O último dia da semana começa com desvalorização para os preços internacionais do milho futuro na Bolsa de Chicago (CBOT). As principais cotações registravam quedas entre 4,50 e 5,50 pontos por volta das 09h10 (horário de Brasília).

O vencimento julho/19 era cotado à US$ 4,31, o setembro/19 valia US$ 4,39 e o dezembro/19 era negociado por US$ 4,47 nesta sexta-feira (31).

Segundo análise de Tony Dreibus da Successful Farming, o milho foi menor no comércio da madrugada em meio a crescentes tensões comerciais, desta vez com o México.

O presidente Donald Trump disse ontem que imporá uma tarifa de graduação sobre as importações de produtos mexicanos a partir de 5% até que o país pare a imigração ilegal para os EUA.

A Casa Branca disse que as tarifas começarão em 10 de junho e aumentará para 10% se o México não cumprir. A taxa vai para 15% em 1º de agosto, 20% em 1º de setembro e 25% em 1º de outubro.

O México é o maior comprador de milho dos EUA, e alguns investidores temem que a agricultura seja novamente usada como peão em uma guerra comercial com o México, já que o país provavelmente imporá contramedidas às importações de produtos norte-americanos.

Confira como fechou o mercado na última quinta-feira:

>> Milho encerra 5ªfeira em alta, com as principais ganhos entre 14,75 e 17,50 pontos

Tags:
Por: Guilherme Dorigatti
Fonte: Notícias Agrícolas

2 comentários

  • daniel Lunardi Guarulhos - SP

    Eita atrás de eita.

    1
  • Salvador Heber Nascimento -

    O Mexico pode vir a comprar esse milho no Brasil ?

    0
    • LIONES SEVEROPORTO ALEGRE - RS

      O México já estava comprando nosso milho, assim como a soja que mensalmente saem 6 a 7 navios para aquele destino. O outro destino é os EUA que indústria de ração da Carolina do Norte já comprou 10 navios do milho safrinha. Milho da Ucrânia também esta sendo comprado pelo México.

      1