Milho: Mercado futuro encerra a sessão desta 3ª feira com quedas na Bolsa de Chicago

Publicado em 20/08/2019 17:16 e atualizado em 21/08/2019 09:18
194 exibições
Previsões de chuvas para esta semana na maior parte do Meio-Oeste

LOGO nalogo

As cotações futuras do cereal encerraram com desvalorizações da tabela na Bolsa de Chicago (CBOT) na sessão desta terça-feira (20). Os principais vencimentos da commodity operaram com perdas de 5,50 a 5,75 pontos. O contrato setembro terminou o dia cotado a  US$ 3,59 por bushel e o dezembro/19 trabalhava a US$ 3,68 por bushel.

Segundo análise de Ben Potter da Farm Futures, os futuros de milho e trigo não foram tão felizes, com os dois caindo no vermelho na sessão desta terça-feira. “Os preços do milho continuaram a cair na terça-feira, uma vez que tem previsões de chuvas para esta semana na maior parte do Meio-Oeste”,  afirma Potter. 

Mercado Interno

No caso do mercado interno, as principais praças pesquisadas pelo o Notícias Agrícolas registraram poucas movimentações nas cotações do cereal. Em Londrina/PR, a saca do milho terminou o dia cotada a R$ 26,50 com um recuo de 3,64%. Já na região de Ponta Grossa/PR, o cereal registrou uma valorização de 3,03% com a saca em torno de R$ 34,00. No Oeste da Bahia, a queda na cotação foi de 0,81% e a saca encerrou o dia a R$ 30,75. 

Segundo as informações da consultoria Agrifatto, o Brasil embarcou 4,29 milhões de toneladas até a primeira metade de agosto (no ano passado, as exportações completas neste mês ficaram em 2,82 milhões de tons). O ritmo médio diário de envio nas duas primeiras semanas deste mês ficou em 358 mil toneladas, alta de 30% em relação ao mês anterior (que já registrou um recorde de exportação mensal), e avanço de 191% frente a agosto/18.

Confira como ficaram as cotações nesta terça-feira:

>> MILHO

Tags:
Por: Andressa Simão
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário