Milho: B3 retorna do feriado em SP com leves altas para os primeiros contratos

Publicado em 26/01/2021 09:10 e atualizado em 26/01/2021 12:08 293 exibições
Chicago busca estender ganhos de ontem

LOGO nalogo

A terça-feira (26) começa com os primeiros contratos do milho futuro subindo na Bolsa Brasileira (B3). As principais cotações registravam movimentações positivas de até 0,44% por volta das 09h07 (horário de Brasília).

O vencimento março/21 era cotado à R$ 85,88 com ganho de 0,44%, o maior /21 valia R$ 82,46 com alta de 0,44%, o julho/21 era negociado por R$ 75,10 com estabilidade e o setembro/21 tinha valor de R$ 73,20 com estabilidade.

Essa é a retomada das negociações na B3 após o fechamento devido ao feriado na cidade de São Paulo pelo aniversário da capital do estado.

                                                     destaque_mão_carrega_milho_grão

3ªfeira começa com altas para o milho no Brasil e nos EUA

Mercado Externo

A Bolsa de Chicago (CBOT) abre o dia estendendo os ganhos de ontem para os preços internacionais do milho futuro. As principais cotações registravam movimentações positivas entre 1,00 e 4,50 pontos por volta das 08h50 (horário de Brasília).

O vencimento março/21 era cotado à US$ 5,16 com valorização de 4,50 pontos, o maio/21 valia US$ 5,18 com elevação de 4,00 pontos, o julho/21 era negociado por US$ 5,13 com ganho de 3,50 pontos e o setembro/21 tinha valor de US$ 4,59 com alta de 1,00 pontos.

Segundo informações do site internacional Successful Farming, os futuros de grãos subiram no comércio da madrugada, já que a liquidação comprada parece finalmente ter acabado, embora ainda não pareça haver um retorno aos fundamentos.

"As oscilações de preço nas últimas sessões foram violentas, com os futuros drasticamente na sexta-feira, antes de se recuperarem ontem. Os investidores especulativos que estavam comprados no mercado, ou apostavam em preços mais altos, provavelmente estavam se desfazendo de seus contratos de soja, milho e trigo e fechando suas posições depois de uma corrida no mercado futuro para máximos de vários anos. A liquidação comprada aparentemente acabou, já que os preços subiram na segunda-feira e estão novamente mais altos esta manhã", aponta o analista Tony Dreibus.

Relembre como fechou o mercado na última segunda-feira:

>> Preço do milho recua no mercado físico nesta segunda-feira

 

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário