HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

Plantio da safrinha é o segundo mais atrasado da história no MT e área total deve ser menor, diz Imea

Publicado em 02/03/2021 09:07 e atualizado em 02/03/2021 11:40 2298 exibições

LOGO nalogo

O Imea (Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária) divulgou relatório apontando que as projeções de área de plantio de milho apresentaram leve redução em relação à estimativa anterior no estado. Com isso, o instituto reduziu as projeções de aumento de área em 0,08 pontos percentuais em relação ao último acompanhamento, totalizando 5,68 milhões de hectares.

“A queda é justificada pela conjuntura atual de atraso no processo de colheita da soja devido às chuvas, que consequentemente diminui a disponibilidade de área para semeadura do cereal e também estreita a janela ideal de cultivo do milho”, explica.

A publicação ainda mantém as expectativas de uma produtividade média de 106,29 sacas por hectare para uma produção total de 36,36 milhões de toneladas, uma vez que a semeadura da safrinha ainda não foi encerrada no Mato Grosso.

Olhando para o plantio, 54,66% das áreas foram semeadas até o final da última semana, um avanço de 18,70 pontos percentuais com relação ao último número divulgado, o que segue preocupando os produtores.

“O excesso das chuvas em boa parte do estado continua sendo a principal barreira para a disponibilização de áreas para o cultivo do grão, e segundo informantes, os produtores seguem colhendo a soja com umidade acima do padrão ideal para acelerar os trabalhos de semeadura a campo. O plantio da safra atual segue abaixo da média das últimas cinco safras, e também fica como a segunda mais atrasada da série histórica do Instituto, atrás apenas da safra 10/11”, diz o Imea.

Leia Mais:

+ Mato Grosso está atrasado na colheita da soja e no plantio do milho e perdas devem aparecer

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário