HOME VÍDEOS NOTÍCIAS METEOROLOGIA FOTOS

Deral indica início da colheita do milho no Paraná enquanto plantio da safrinha vai à 2%

Publicado em 18/01/2022 13:43 168 exibições

Logotipo Notícias Agrícolas

A Secretaria de Agricultura e do Abastecimento do Paraná divulgou, por meio do Departamento de Economia Rural (Deral), seu o relatório de plantio e das principais safras do estado. 

O relatório semanal apontou que 1% das lavouras já foram colhidas. Enquanto isso, 34% das áreas já avançaram para a fase de maturação, 51% em frutificação, 13% em floração e 2% seguem em descanso vegetativo.

Sobre as condições de avaliação das lavouras, 33% foram avaliadas como boas, 39% como médias e os 28% restantes com ruins. A área total prevista no estado é de 434.815 hectares.

As regiões que apresentam mais lavouras em condições ruins são Cascavel (85%), Toledo (80%), Umuarama (70%), União da Vitória (60%) e Laranjeiras do Sul (56%).

Para esta safra verão, o Deral estimava uma produção total de 4,112 milhões de toneladas com as produtividades retomando os patamares de 166 sacas por hectare. Porém, após um longo período sem chuvas, o departamento revisou sua projeção para 40% a menos. 

Ao mesmo tempo, o reporte desta semana já mostra que as atividades de plantio da segunda safra de milho avançam no Paraná, com 52.418 hectares já semeados, o que representa 2% dos 2,5 milhões previstos para o estado.

Até a última segunda-feira (17), 32% das lavouras avançaram para o descanso vegetativo e 68% seguem em germinação. A avaliação da qualidade das plantas está em 94% boas e 6% em médias.

Os municípios que já avançaram nesta semeadura da safrinha são Pato Branco (35%), Irati (25%), Guarapuava (20%), Francisco Beltrão (8%), Cascavel e União da Vitória (3%), Toledo (2%), Laranjeiras do Sul e Ponta Grossa (1%).

Tags:
Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário