Capacidade de produção de petróleo da Arábia Saudita deve superar 13 mi bpd até 2027

Publicado em 16/05/2022 08:28

Logotipo Reuters

Por Yousef Saba e Maha El Dahan

MANAMA (Reuters) - A Arábia Saudita está a caminho de aumentar sua capacidade de produção de petróleo em mais de 1 milhão de barris por dia, para mais de 13 milhões de barris bpd até o final de 2026 ou início de 2027, disse o ministro de Energia saudita nesta segunda-feira.

O príncipe Abdulaziz bin Salman disse em uma conferência de energia no Bahrein que a produção poderia ser mantida nesse nível assim que fosse atingida, caso a demanda do mercado o exigisse.

Ele também afirmou que todos os investimentos upstream seriam focados no mercado interno para atingir esse objetivo.

"Não temos dinheiro para desperdiçar em nenhum outro lugar", disse na conferência, acrescentando que a produção pode atingir entre 13,2 e 13,4 milhões de bpd.

No campo de gás natural de Durra, localizado em uma área rica em energia compartilhada com o Kuwait, o ministro afirmou que os dois países estão avançando em seu desenvolvimento.

O Irã alega ter uma participação no campo e considera "ilegal" um acordo entre Arábia Saudita e Kuwait assinado no início deste ano para desenvolvê-lo.

A Arábia Saudita e o Kuwait convidaram o Irã em abril para realizar negociações para determinar o limite leste da área offshore conjunta e reafirmaram seu direito de desenvolver o campo de gás localizado dentro dela.

Em comentário sobre o projeto de lei dos EUA apelidado de "NOPEC", que poderia abrir caminho para ações antitruste contra membros da Opep e seus parceiros por orquestrar cortes de oferta que elevam os preços globais do petróleo, o príncipe Abdulaziz questionou se ele também se aplicaria a nações consumidoras que liberaram petróleo de reservas estratégicas em uma tentativa de administrar o mercado.

O ministro do petróleo do Iraque, Ihsan Abdul-Jabbar, disse a repórteres na mesma conferência que a Opep discutiu o projeto nas reuniões regulares do grupo.

"Estamos em discussões internas sobre isso, então, por enquanto, não temos resposta", disse ele.

Abdul-Jabbar também disse que a atual capacidade de produção do Iraque é de 4,9 milhões de bpd e chegará a 5 milhões até o final do ano.

O Iraque, o segundo maior produtor da Opep, pretende aumentar sua capacidade para 6 milhões de bpd até 2027, acrescentou.

(Por Yousef Saba, Maha El Dahan e Nadine Awadalla)

Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário