Reuters: Preocupação com déficit de produção atrai mais investimentos para commodities agrícolas em março

Publicado em 07/04/2014 18:08 462 exibições

Investidores colocaram US$ 129 milhões em commodities agrícolas em março, segundo informações da consultoria BlackRock, depois que a seca no Brasil e o frio extremo nos Estados Unidos elevaram os preços dos grãos. 

“As commodities tiveram uma performance mais fraca nos últimos anos e agora os investidores estão começando a voltar para o mercado”, disse Nick Brooks, presidente de pesquisa e estratégia de investimentos da ETF Securities. 

As commodities agrícolas atraíram mais investimentos no primeiro semestre sob influência do clima extremo que ameaça reduzir a produção de alimentos nas Américas, segundo a Reuters. A crise entre Rússia e Crimea também aumentou as preocupações quanto a possíveis problemas com embarques de grãos da Ucrânia. 

“Os preços do milho tiveram forte em alta em março”, disse Ursula Marchioni, pesquisadora da iShares EMEA, ressaltando que os contratos futuros subiram 8,3% do final de fevereiro até o final de março. 

A pecuária também teve um forte desempenho, com alta de 19% para suínos em março. A alta está ligada a um surto do vírus de diarreia suína (PED, na sigla em inglês) nos Estados Unidos, uma doença altamente contagiosa que causa a redução dos rebanhos.

Informações: Reuters 

Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário