Petróleo: Preços sobem após melhora na atividade de refinarias nos EUA

Publicado em 28/05/2020 17:27 155 exibições

LOGO REUTERS

Por Scott DiSavino

NOVA YORK (Reuters) - Os contratos futuros do petróleo avançaram cerca de 2% nesta quinta-feira, com a melhora contínua nas atividades de refinarias nos Estados Unidos compensando um inesperado aumento nos estoques de petróleo e diesel do país e os temores de que a nova legislação de segurança da China para Hong Kong possam levar a sanções comerciais.

O contrato do petróleo Brent para entrega em julho fechou em alta de 0,55 dólar, ou 1,6%, a 35,29 dólares por barril, em seu penúltimo dia como primeiro vencimento. Já o petróleo dos EUA (WTI) avançou 0,90 dólar, ou 2,7%, para 33,71 dólares o barril.

O movimento do valor de referência norte-americano fez com que o prêmio do Brent sobre o WTI atingisse o menor nível desde meados de abril.

Os estoques de petróleo dos EUA tiveram alta de 7,9 milhões de barris na semana passada, superando as expectativas, devido a um forte aumento nas importações provenientes da Arábia Saudita, disse a Administração de Informação sobre Energia (AIE).

O relatório da AIE, no entanto, também mostrou que as refinarias norte-americanas aceleraram produção e que --inesperadamente-- as reservas de gasolina diminuíram, enquanto os estoques de petróleo no centro de distribuição de Cushing, em Oklahoma, tiveram queda de 3,4 milhões de barris.

O mercado inicialmente recuou devido ao forte aumento nos estoques da commodity, mas mudou de tendência e passou a subir quando percebeu a redução das reservas no ponto de entrega do WTI, em Cushing, disse Bob Yawger, diretor de futuros de energia da Mizuho em Nova York.

(Reportagem adicional de Laila Kearney em Nova York, Julia Payne em Londres, Sonali Paul em Melbourne e Koustav Samanta em Cingapura)

Fonte:
Reuters

0 comentário