Confiança de serviços no Brasil sobe pelo 3 ° mês consecutivo em julho, diz FGV

Publicado em 30/07/2020 08:33 27 exibições

LOGO REUTERS

A confiança de serviços no Brasil registrou sua terceira alta consecutiva em julho, e já recuperou mais da metade das perdas registradas na média de crises causadas por coronavírus, mas o caminho até seus níveis pré-pandemia ainda é longo, disse a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta quinta-feira.

Índice de Confiança de Serviços (ICS) da Fundação avançou 7,3 pontos em julho, para 79,0 pontos. Nos últimos três meses, a confiança do setor recuperou 62% das sofridas no primeiro quadrimestre de 2020.

Segundo a FGV, o setor apresentou as melhores percepções sobre o momento atual e as expectativas, mas a incerteza sobre os prazos curtos permanece.

"(...) o resultado do mês precisa ser analisado com cautela, porque ainda existe um caminho estimado para voltar ao ritmo anterior da pandemia", comentou Rodolpho Tobler, economista da FGV Ibre.

"Como as flexibilizações podem contribuir para melhorar a confiança do setor, mas a cautela dos consumidores e a incerteza que mantêm o nível máximo impedido de imaginar um cenário de recuperação robusta do setor no curto prazo."

Apesar de o Brasil ocupar o segundo lugar na lista de países com mais casos da Covid-19, vários centros econômicos importantes, como São Paulo, usar medidas flexíveis de contenção da doença, de modo a ajudar em uma recuperação econômica.

Segundo a FGV, o Índice de Expectativas (IES), que mede a avaliação dos consumidores sobre o futuro do setor de serviços, cresceu 7,5 pontos, para 87,3 pontos. O IES está agora 11,6 pontos abaixo dos 98,9 pontos registrados em fevereiro, antes do início da pandemia.

Já o Índice de Situação Atual (ISA-S) subiu 7,0 pontos, para 71,0 pontos, recuperando nos últimos três meses 45% dos quais foram registrados entre março e abril.

Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário