Grãos: Otimismo no mercado financeiro dá suporte ao mercado

Publicado em 21/10/2011 10:20 e atualizado em 21/10/2011 13:05 782 exibições
Depois de uma semana toda de quedas, o mercado da soja encerrou o pregão noturno desta sexta-feira no azul. Apesar de tímidas, as altas trazem um novo fôlego para o mercado da oleaginosa. O milho e o trigo acompanharam os movimentos de avanço e também encerraram a sessão em alta.

No pregão regular, as altas continuam. Por volta das 14h, a soja operava com altas de pouco mais de 5 pontos, o milho subia mais de 10 e o trigo ganhava quase 20 pontos nos vencimentos mais próximos.

O otimismo do mercado financeiro é o principal motivo para o cenário de hoje visto na CBOT. As expectativas para medidas que possam solucionar a crise que assola o continente europeu, especialmente a Zona do Euro, são positivas.

O que se espera é que resoluções sejam concretizadas e que até quarta-feira da semana que vem, Nicolas Sarkozy e Angela Merkel anunciem um plano abrangente para esse entrave.

Para o mercado de commodities, incluindo as agrícolas, o que se espera é que os traders reduzam sua aversão ao risco e voltem a focar seus investimentos em ativos como alimentos e matérias-primas. Com a volta dos fundos e dos compradores, que também aproveitam as recentes baixas, a tendência é de que os preços possam voltar a subir.

Fundamentos - No quadro fundamental não há nada de novo e que possa trazer movimentações muito expressivas ao mercado. O que continua sendo monitorado pelos traders é a colheita nos Estados Unidos bem como a evolução da safra na América do Sul.

Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário