Em relatório, CNJ aponta 6 caminhos para resolver conflito agrário em MS

Publicado em 25/07/2013 11:42
666 exibições

Após quatro reuniões ao longo de três meses, comissão liderada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) concluiu, nesta quarta-feira (24), relatório que tenta dar fim ao impasse por terras entre fazendeiros e índios em Mato Grosso do Sul. Em mais de 100 páginas, pelo menos seis alternativas foram apontadas como solução.

As principais delas são a desapropriação de áreas no estado e a indenização aos produtores rurais. Agora, a comissão tem até o dia 30 de julho para enviar o documento à presidência do CNJ em Brasília. Antes de ser enviado, o relatório passará por revisão.

Leia a notícia na íntegra no site do G1 MS

Fonte: G1 MS

0 comentário