Em noturno de poucos negócios, grãos fecham com leves ganhos

Publicado em 29/02/2012 11:13 553 exibições
Em um dia de pouca movimentação, os futuros da soja negociados na Bolsa de Chicago fecharam o pregão noturno desta quarta-feira com leves altas na Bolsa de Chicago. Em uma sessão de poucos negócios, os ganhos não passaram de 2,50 pontos. O contrato maio, referência para a safra brasileira, fechou valendo US$ 13,14 por bushel, com alta de 2 pontos. 

O cenário continua o mesmo no mercado internacional de grãos, principalmente para a soja. As perdas registradas na safra sulamericana e mais a demanda aquecida pelo produto dos EUA vem sustentando os preços nas últimas sessões. 

Diante desses fundamentos positivos, as cotações da soja já subiram 9,6% este mês. "O clima seco na América do Sul e as constatações de declínio na produtividade estão dando suporte aos preços. Agora, os investidores estão voltando sua atenção para isso e para os estoques norte-americanos e mais a demanda chinesa", disse Neil Burgess, analista de um banco australiano. 

O milho e o trigo também fecharam o pregão noturno em alta. No caso do milho, os ganhos também foram tímidos como no mercado da soja. Porém, para o trigo, o avanço já foi ligeiramente mais expressivo. 

Os grãos avançam ao passo que caminham na esteira da oleaginosa. Além disso, ainda sentem a influência positiva do ânimo de compras por parte de fundos e especuladores. 

Depois do fechamento positivo, a chamada de abertura dos grãos negociados na CBOT também é positiva nesta quarta-feira. A soja deve abrir com alta de 1 a 3 pontos, assim como o milho. Já para o trigo, os ganhos inicias devem variar entre 4 e 7 pontos. 
Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário