Publicidade

Safra 2012/13: Após perdas das últimas temporadas, produtores do RS dão início a plantio da soja

Publicado em 07/11/2012 16:10 308 exibições
O Rio Grande do Sul dá início ao plantio da safra de soja verão. Em Catuípe, na região das Missões e em Cruz Alta, produtores investem no plantio das culturas de verão, após severas perdas do plantio 11/12 em função da estiagem e das geadas de setembro que dizimaram parte dos cultivos de trigo.

De acordo com o presidente do Sindicato Rural de Catuípe, Ernani Cézar Bernardi, umidade do solo é boa e precipitações que aconteceram nesta primavera favorecem plantio no município. Até o final da semana plantio deve chegar a 30% e expectativa é de produtividade média de 50 sacas/hectare.

Em Cruz Alta, semeadura deve chegar a 50% da área nos próximos dias. De acordo com o presidente do Sindicato Rural, Airton Carlos Becker, no ciclo 11/12 foram plantados 86 mil hectares com soja, acréscimo para este ciclo deve ser de 4 mil hectares.

Negociações futuras, no entanto, seguem a passos lentos em ambos os municípios. Após prejuízos das últimas safras, produtores se mantêm cautelosos quanto a vendas antecipadas. De acordo com Becker, vendas não foram maiores em função das quebras nas produções passadas, que prejudicaram cumprimento de contratos dos produtores. Esperança para Estado é de que El Niño contribua com maior volume de chuvas.
 
São Paulo

No interior de São Paulo, enquanto algumas regiões estão com plantio parado devido à falta de chuvas, produtores de Cândido Mota estão com semeadura praticamente concluída.

Publicidade

Segundo presidente do Sindicato Rural, João Motta, em relação aos últimos anos semeadura está antecipada em 15 dias e irá favorecer cultivo da safrinha de milho, que ocupará área da soja, em torno de 140 mil hectares.
 
Mato Grosso do Sul

Produtores de Laguna Carapã (MS) estão prestes a concluir plantio da soja verão e já preparam cultivo da safrinha de milho. De acordo com o técnico agrícola, Antonio Rodrigues Neto, parte dos insumos da segunda safra já foram negociados e produtores esperam abertura das negociações para o cereal em torno de R$25.

Para novembro, expectativas são de volume menor de chuvas e em algumas localidades chuvas de manga já preocupam sojicultores.

Tags:
Por:
Ana Paula Pereira
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário