Safra 2012/13: Em SP, altas temperaturas e chuvas localizadas em regiões produtoras de soja

Publicado em 13/12/2012 16:19 405 exibições
Em Cândido Mota, na região do Vale do Paranapanema, em São Paulo, as chuvas seguem irregulares e as temperaturas elevadas, afetando desenvolvimento das lavouras de soja e milho. Segundo o presidente do Sindicato Rural, João Motta, em algumas localidades lavouras estão há mais de 20 dias sem chuvas. Cerca de 20% do potencial produtivo da soja já está comprometido, para o milho a situação é ainda mais crítica.

Já em Itapeva, segundo o presidente do Sindicato Rural, Dagoberto Mariano César, sensação térmica chegou a quase 40 graus Celsius nos últimos dias. “Temos chuvas localizadas e de manga, mas é cedo para falar se a condição climática está afetando a produtividade da soja”, afirma.
Lavouras da região apresentam incidência de lesmas, mas em áreas localizadas. Controle é feito por meio de iscas e aparição é maior em áreas de plantio direto.

Paraná

Em Assis Chateaubriand, região oeste do Paraná, chuvas também estão irregulares. Segundo o presidente do Sindicato Rural, Valdemar Melato, região enfrenta o segundo veranico da temporada. “Em Assis Chateaubriand há localidades com chuvas normais e outras bem irregulares. Ontem (12), algumas lavouras receberam 50 mm de precipitações, enquanto outras tiveram apenas 5 mm”, afirma.

O primeiro veranico durou 20 dias e atingiu o início do desenvolvimento da soja. Já o atual e segundo veranico, chega durante a floração e formação de vagens, prejudicando o rendimento da lavoura. No entanto, Melato garante que retorno das chuvas ainda pode recuperar plantas e perdas atuais são inexpressíveis para a produção.

Tags:
Por:
Ana Paula Pereira
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário