Após recuperação, soja fecha semana no vermelho em Chicago

Publicado em 22/03/2013 17:25
1294 exibições
A sessão desta sexta-feira (22) na Bolsa de Chicago foi de realização de lucros para o mercado da soja. Os preços terminaram o dia com baixas entre 7,50 e 11,25 pontos, registrando uma correção técnica depois das altas de quase 30 pontos no pregão anterior. Para os analistas, esse recuo reflete um movimento normal do mercado, ainda mais em um momento em que não há uma direção e uma tendência definidas para os negócios. 

Além dessa realização de lucros, os investidores ainda se mostraram mais cautelosos frente ao final de semana e à espera pelos novos números que o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) divulga na próxima quinta-feira, 28 de março. O departamento traz os novos dados sobre os estoques trimestrais de grãos no país e o que se espera é que estejam ainda mais ajustados. 

Para alguns analistas, o mercado já estaria precificando essas informações e isso foi o que limitou as baixas em Chicago na sessão desta sexta. Ao longo do dia, as cotações chegaram a cair mais de 12 pontos nos principais vencimentos. Segundo o operador de mercado Flávio Oliveira, da McDonald & Pelz, esse boletim já confere um pré-posicionamento ao mercado e caso se confirmem esses baixos estoques, abaixo das expectativas do mercado, o cenário será favorável a uma recuperação dos preços. 

Entre os fundamentos, o quadro permanece o mesmo e positivo e as notícias principais vêm da demanda. "Há compras acontecendo em todos os lugares. A China precisa continuar comprando, as margens de esmagamento estão positivas, mas o grande problema é que originar soja nos Estados Unidos está difícil pelos baixos estoques e pela dificuldade com o frete no país porque há 212 navios esperando para embarcar soja no Brasil", diz Daniel D'Ávilla, analista da New Edge. Os gargalos logísticos também acabam sendo, portanto, fator de suporte para os preços no mercado interno. 

Veja como ficaram as cotações dos grãos no fechamento desta sexta-feira:



Tags:
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

1 comentário

  • MARCIO GENCIANO DOS SANTOS Ivaiporã - PR

    O boato de cancelamento de 2,00 milhões de toneladas de soja do Brasil é o que chamamos de noticias plantada, ou seja, não tem nenhuma lógica, o EUA tem apenas 1,00 milhão de toneladas para cumprir a cota da temporada 2012/13 que termina ainda no final de agosto, até final de maio o Brasil precisa acelerar os embarque pois só assim os preços voltariam a ser mais atrativos no mercado interno....

    0