Soja tem boas altas na CBOT com falta de oferta e chuvas nos EUA

Publicado em 31/05/2013 12:16
2629 exibições

Na sessão desta sexta-feira (31), os contratos futuros da soja negociados na Bolsa de Chicago operam com boas altas. O vencimento julho/13, por volta das 11h50 (horário de Brasília), subia 20,75 pontos, valendo US$ 15,16 por bushel. Os ganhos nas demais posições eram de 15 a 16,50 pontos. 

O mercado voltou a subir hoje depois das baixas registradas no pregão anterior, quando os preços exibiram uma ligeira realização de lucros. O foco dos negócios ainda é a falta de oferta disponível diante de uma demanda muito aquecida. Além disso, o clima desfavorável ao plantio da nova safra nos EUA também estimula a subida dos preços. 

"Novamente, os fundamentos. De um lado, o clima que não anda de maneira ideal para os produtores norte-americanos, as chuvas continuaram ontem (30) em boa parte das regiões, hoje também está chovendo em várias áreas que precisam ser plantadas, há um excesso de umidade no solo americano com facilidade para inundação em regiões próximas de rios. Ao mesmo tempo, os operadores já apontam nova presença da China para compra de soja e milho entre hoje e segunda-feira e com isso o mercado tem demanda de um lado e falta de oferta de outro", explicou Vlamir Brandalizze, consultor da Brandalizze Consulting. 

Brandalizze explica, portanto, que o recuo apresentado pelo mercado ontem foi um movimento bastante técnico e que hoje os negócios se voltam exclusivamente aos fundamentos. 

Ainda segundo o consultor, já intensas especulações sobre a perda de produtividade que poderá contabilizada nos EUA em função desse atraso no plantio e do clima desfavorável. De acordo com Brandalizze, alguns números já apontam que a safra de milho norte-americana possa vir a perder 10 milhões de toneladas. "Esses números já começam a ser vistos pelo mercado, começam a ser um fator positivo", complementou. 

Tags:
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário