Preço do farelo de soja registra forte alta e preocupa compradores

Publicado em 07/06/2013 12:53 e atualizado em 07/06/2013 14:12 1892 exibições

Nos últimos 40 dias, o preço do farelo de soja vem preocupando os produtores. Altas de 35% a 45% no valor da tonelada trazem impactos negativos para o custo de produção, e consequentemente, dos produtos comercializados.

Èrico Pozzer, presidente da Associação Paulista de Avicultores, conta que o preço da tonelada em São Paulo está entre R$1030,00 a R$1050,00, o que representa uma expressiva alta de 35% em relação a 40 dias atrás, quando era possível adqurir o farelo por R$750, em média. "Isso pode impactar negativamente o custo do frango vivo", aponta o presidente.

Em Minas, o preço também pode impactar em 25% o custo da produção de suínos. Nesta sexta-feira, a tonelada de farelo de soja é vendida a R$1100, um aumento de 9% em relação à sexta-feira passada. A situação é parecida com a de São Paulo, uma vez que, nos últimos 45 dias, o produtor poderia adquirir farelo por R$710,00 a R$720,00. "As altas são diárias", conta José Arnaldo Cardoso Pena, vice-presidente da Associação de Suinocultores do Estado de Minas Gerais.

Ambos os produtores estão apreensivos e dizem não entender a razão das altas. "O Brasil acaba de bater recorde de produção de farelo de soja", afirma Pena. Segundo o último levantamento da Conab, a produção nacional de soja de 2012/13 teve alta de 22,4% frente à última temporada, com uma produção de 81,218 milhões de toneladas.

No mercado internacional, os preços da soja continuam encontrando suporte na falta de produto nos Estados Unidos e do clima ainda desfavorável para o avanço do plantio da nova safra norte-americana. Esses ganhos, aliados à alta do dólar, têm provocado um aumento dos preços também no mercado interno brasileiro.

Tags:
Por:
Izadora Pimenta
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário