Soja busca equilíbrio após rally e opera estável na CBOT nesta 6ª feira; fundamentos são fortes

Publicado em 01/07/2016 08:44
1380 exibições

Nesta sexta-feira, 1º de julho, o mercado da soja na Bolsa de Chicago começa o dia operando com estabilidade e em busca de equilíbrio depois do rally registrado na sessão anterior. Por volta das 8h15 (horário de Brasília), as cotações perdiam pouco mais de 1 ponto e ainda mantinham valores acima dos US$ 11,50 por bushel. 

Os preços subiram mais de 40 pontos no pregão de ontem, quando o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) trouxe números da área de plantio no país abaixo das expectativas do mercado. Ainda assim, traz um leve aumento de apenas 1% em relação a safra anterior ao apresentar 33,87 milhões de hectares. 

Além disso, outro fator que segue como pilar de suporte para as cotações e tem sido, neste momento, um dos mais importantes para o mercado da soja é a demanda ainda muito forte, segundo explica o consultor de mercado Vlamir Brandalizze, da Brandalizze Consulting.

De acordo com o executivo, os EUA já possuem 106% do volume projetado de vendas para exportação comprometido pelos EUA e o ano comercial termina somente em agosto. "E a demanda continua muito forte e crescendo", diz. 

Ao mesmo tempo, seguem ainda as especulações sobre as condições de clima nos Estados Unidos, especialmente com a chegada desse mês de julho. As últimas previsões indicam, para os próximos dez dias, a chegada de melhores chuvas para o Meio-Oeste, porém, o final do mês deverá ser de mês um pouco mais seco. 



Tags:
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário