Soja: Preços cedem mais de 4% em Chicago na semana com clima melhor na América do Sul

Publicado em 23/12/2016 20:13 e atualizado em 26/12/2016 07:04
832 exibições

Com o foco no clima da América do Sul, os futuros da soja na Bolsa de Chicago fecharam a semana perdendo mais de 4% entre os principais vencimentos. As condições melhoraram na Argentina e no Rio Grande do Sul e pesaram diretamente sobre as cotações. Além do janeiro, o março também perdeu os US$ 10,00 e ficou em US$ 9,97 por bushel.

Como explicou o economista da Apexsim, Filipe Dawson, havia uma pressão grande - que deu espaço para um intenso prêmio climático - de que importantes regiões produtoras do estado gaúcho e argentinas, o que acabou perdendo força nos últimos dias com a chegada das precipitações. As notícias, ainda de acordo com o espcialista, se uniram ao típico movimento de realização de lucros típica desse período do ano. 

"Enquanto o posicionamento dos fundos era esperado, o fator climático é pontual. Se chover menos nas próximas semanas e o déficit hídrico retornar, o mercado deve continuar a subir. A medida de mais informações de produtividade na Argentina, os números também devem mudar. Caso haja uma quebra maior de 10% no país, o mercado deve voltar para patamares muito acima do observado", explica Dawson. 

Entretanto, a recuperação das cotações pode ser mais demorada, já que, até que a nova safra da América do Sul seja concluída, a volatilidade deverá continuar mantendo o tom do mercado em Chicago. 

Mercado Brasileiro

No Brasil, os preços acompanharam as baixas em Chicago e também registraram perdas expressivas no acumulado da semana e, no mesmo intervalo, o dólar acumulou uma perda de 3,56% e contribuiu para a pressão sobre as cotações, com a maior baixa, segundo e Reuters, desde 1º de julho. A moeda americana fechou em R$ 3,27 nesta sexta-feira (23). 

"Houve fluxo de entrada de recursos e redução da posição comprada de investidores estrangeiros", comentou o sócio-diretor da gestora Jive Asset Management, Leonardo Monoli à agência de notícias Reuters. 

Assim, somente no disponível, os preços da soja nas principais praças de comercialização pesquisadas pelo Notícias Agrícolas cederam entre 0,69% e 6,52% e as referências variam entre R$ 62,00 e R$ 74,00 por saca. 

Nos portos do país, os preços também cederam. Entre Rio Grande e Paranaguá, as baixas ficaram entre 2,50% e 7,28%, com os preços oscilando de R$ 75,10 a R$ 79,00 por saca, deixando para trás, mais uma vez, o patamar dos R$ 80,00. 

Tags:
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

1 comentário

  • Dalzir Vitoria Uberlândia - MG

    Caros Rodrigo e Liones... o preço da soja não ia subir a 12 o buschel???!!!! pois é, caiu de novo... engraçado, alguém afirmou neste espaço o ano todo que -- SALVO FATO NOVO -- os preços iam ficar entre US$ 8,5 e 10,5...e ficaram... porisso não precisamos de muita planilha... nem muito IN ENGLISH... nem muito lero lero... e nem muita papagaida.. nem muito estudo de detalhes que vão lugar algum... amigos produtores, é simples o raciocinio... safras normais geram produções normais...e quando os compradores estão estocados ou abastecidos, os preços permanecem em BAIXA... sugiro ouvirem uma música dos 3 xirus... desde os tempos do ari pistola... e se repete.. só que hoje os INTINDIDO mesclam com falacias..lorotas... ah! as planilhas que servem para limpar a B...... chega de gráficos e frescuras igual a borboleta (voando)...

    7
    • Rodrigo Polo Pires Balneário Camboriú - SC

      Voltou o papagaio de Uberlandia, quem te ensinou sobre amplitude de consolidação fui eu Dalzir. Antes de falar nisso você nem sabia o que era.

      1
    • leandro carlos amaral Itambé - PR

      Essa lei de responsabilidade que tao querendo para o judiciario deveria valer para os orgaos de imprensa tambem,pois quando plantarem uma noticia fantasiosa deveria ser responsabilizao...

      0
    • Dalzir Vitoria Uberlândia - MG

      Caro Rodrigo...voce disse dias atras que o dolar e preço de Chicago ia subir...conheço este tipo de enrolão..e ai voce se encaixa...sobre a tal amplitude de consolidação te confesso que não sei o que é...deve ser um nome que dão a alguma detalhe que vai lugar algum...e partindo de voce já te disse que leio pouco..póis não vale a pena...

      5
    • carlo meloni sao paulo - SP

      Entao entro nesta rodinha----Eu acho que os compradores tiraram as feria natalinas---daqui a 20 dias vamos ver se estou certo---Se estiver vou tirar sarro dos dois----

      3
    • Rodrigo Polo Pires Balneário Camboriú - SC

      Sim falei em um comentário com o Liones, em 3 ou 4 meses, tá registrado. O dólar a 3,5 e a soja a 12. Era um comentário sobre a diminuição da exportação brasileira de soja. Falei também quando a soja rompeu os 9.9 que ia a 11,30, não foi ficou nos 10,70 e voltou. Disse também que se cair aos 8,5 ela pode ir até 7,7. Se soubesse ler saberia o que escrevi. Sobre amplitude de consolidação é fácil, esses dois dólares que você fala aí, é a amplitude da consolidação, mas isso é besteira pois o preço saiu dessa consolidação em abril desse ano, foi a 12 em julho, lembra quando você recomendou que os produtores não vendessem milho que ia subir? Oráculo de Uberlandia, caiu 25%. E né Dalzir, acho que você é que era o tipo de puxa saco de patrão que ouvia uma idéia boa de um colega de serviço e corria dizer ao patrão que a idéia era sua e começava a falar mal do colega. Conheço o tipo, criado na beirada de empresas paraestatais que nunca pararam em pé sem o leite de pata do governo. Desde abril a soja não caiu nenhuma vez abaixo de 9,2. Por pouco não sugiro ao Noticias Agricolas que tire todos os analistas, reporteres, não faça mais videos e deixe contigo, o sujeito que não precisa estudar, não precisa de gráficos, nem tabelas, nem da Conab, nem do USDA, desce tudo direto do céu para a tua cabeça.

      1
    • João Biermann Tapera - RS

      Vendi soja a mais de R$ 83,00 reais nessa safra, e isso que estava depositada na cooperativa, quem tinha disponível pegou bem mais. Sempre ouvi os comentários do Lionel com atenção, é um dos poucos analistas que tenho saco pra escutar. Agora teve quem acreditou em Papai Noel, ficou esperando a soja ir a R$ 100,00 e hoje está R$ 66,50 na pedra. Quem planta e quem vende é o produtor, ele deve ter o timing, saber seus custos e fazer as contas, vale uma sábia frase: 'Ouça todos, não siga ninguém'.

      0
    • ETORE BARONI Maringá - PR

      Mais importante que adivinhar ou chutar para onde os preços vão é saber analisar todos os fundamentos e pontos que podem impactar os preços no dia a dia do produtor. Todas analises são importantes , cabe a cada ter sua base de avaliação para saber e avalia se determinada precificação é interessante para sua operação ou não.

      Por isso cada dia mai se faz necessária uma gestão de riscos eficientes buscando entender como funciona e quais os fatores pode lhe impactar e assim tomar sua decisão com conhecimento, avaliação e humildade.

      abaixo segue link de uma participação que fiz no inicio de outubro desse ano

      http://www.noticiasagricolas.com.br/videos/soja/180475-chicago-continua-sem-direcao-observando-evolucao-da-colheita-americana-e-aguardando-maior-consistencia.html#.WGJ0QVMrLIU

      0
    • Dalzir Vitoria Uberlândia - MG

      Caro Baroni...o único que adivinha e chuta deve ser voce...tenho de vez em quanto visto seus comentarios sobre mercado...e é muito lero lero e pouco conteúdo...mais enrolação...o mercado é simples..basta conhece-lo...desde a intenção de plantio..passando pela produção..estoques...e consumo..isto dita o preço e vai ái um pouco de inteligencia e ´perspicacia...e CORAGEM...

      Solicito a voce Etore...me mostrar seus gráficos prevendo milho a 60 o saco em setembro do ano passado...é so mostrar..

      Caro João Bierman...meus parabéns por sua colocação...OUÇA TODOS E voce mesmo decida o que fazer...

      O rodriguinho sabitudo de cambriú...barniario de cambriu...popular ROLANDO LERO..leva jeito..

      4
    • Rodrigo Polo Pires Balneário Camboriú - SC

      Hehehehehe, tomou papudo, mete a lenha no Liones e depois dá parabéns pro cara que elogia ele. Hahahahahaha.

      0
    • Dalzir Vitoria Uberlândia - MG

      Rodrigo não sou contra pessoas...meus comentarios é no campo das idéias...esta coisa de ser contra pessoas é de neófitos querendo aparecer...o Liones já acertou muito,,errou pouco..mas tem coragem de falar o que pensa...e defende suas convicções...entendeu rolando lero...esqueci que voce quando contrariado os neouronios entram em paralisia...da bira igual a piá pançudo...

      0