AgResource Mercosul: Chuvas previstas para os próximos dias na Argentina são insuficientes

Publicado em 07/03/2018 09:10
4829 exibições

AgResource-logo

Nenhuma grande mudança climática foi observada nas atualizações dos mapas. A falta de chuva na Argentina continua sendo o principal fator de preocupação da América do Sul. Alguns baixos índices pluviométricos têm sido adicionados para meados de março, sobre o Centro argentino. No entanto a ARC (AgResource) alerta que tais precipitações não serão o suficiente para desacelerar as quebras. No Brasil, as chuvas intensas continuam regando o Centro e Nordeste do país. As regiões do Cerrado brasileiro passam por problemas pontuais de colheita, uma vez que as intensas precipitações dificultam a entrada das máquinas colhedoras. No Rio Grande do Sul, chuvas são necessárias com a maioria da safra encaminhando para períodos de reprodução final. A parte sul do estado vivencia um cenário de seca acentuada, semelhante a algumas regiões da Argentina.

Clima AGr

Embate CBOT & Especulação

A especulação hoje desacelerou com fatores econômicos pressionando por um lado e clima ainda sustentando, pelo outro. Os atritos comerciais de Trump não são fomentados nestas últimas 24 horas. Um anúncio de vendas da soja norte-americana 17/18 com destino a China, publicado nesta terça-feira, ressalta a falta de indicações de que os chineses poderiam trazer qualquer retaliação diante da nova proposta de Trump. Assim como mencionado anteriormente, o Presidente estadunidense propõe a implementação de tarifas na importação de alguns metais, na tentativa de aquecer o Mercado doméstico siderúrgico dos EUA. Além do mais, para a aprovação desta medida, Trump não necessitará de uma aprovação do Congresso norte-americano. No geral, a sessão de hoje foi um embate entre as vendas daqueles especuladores que desejavam realizar alguns lucros, contra compras de usuários finais na necessidade da adição de cobertura. As preocupações com a seca nos EUA têm sido reduzidas com a chegada de chuvas intensas nos próximos 15 dias.

Ag1

Ag2

Ag3

Tags:
Fonte: AgResource Mercosul

Nenhum comentário