Soja: Mercado trabalha em alta na CBOT nesta 2ª feira e busca se recuperar das últimas baixas

Publicado em 29/10/2018 08:54
1453 exibições

LOGO nalogo

O mercado da soja trabalha em alta na manhã desta segunda-feira (29) na Bolsa de Chicago. Os futuros da commodity subiam entre 5,75 e 6,50 pontos nos principais contratos, por volta de 7h30 (horário de Brasília), e o novembro/18 tinha US$ 8,50 por bushel. Servindo como referência para os negócios da nova safra do Brasil, o maio/19 tinha US$ 8,91. 

Segundo explicam analistas e consultores internacionias, o mercado dá início à semana na busca de uma recuperação, após terminar a anterior acumulando uma baixa de mais de 1% entre seus contratos mais negociados. 

Apesar disso, pode continuar sentidno a pressão da evolução da colheita nos Estados Unidos, uma vez que o clima favoreceu os trabalhos de campo no Meio-Oeste americano nestes últimos dias, o que poderia ser confirmando pelo reporte semanal de acompanhamento de safras que o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) traz no final do dia. 

As atenções, porém, ainda estão voltadas também para alguns pontos do Corn Belt que seguiram recebendo chuvas e até neve na última semana. 

Ainda no radar dos traders também permanecem os desdobramentos da guerra comercial com a China, o avanço do plantio no Brasil e o andamento do dólar. 

No Brasil, são esperadas novas baixas do dólar com a vitória de Jair Bolsonaro para a presidência da República, o que poderia provocar mais pressão sobre as cotações da soja nacional. 

Veja como fechou o mercado na última semana:

>> Soja fecha semana vazia de negócios com baixas de mais de 2% nos preços dos portos do BR

Tags:
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário