Soja tem estabilidade em Chicago nesta 5ª feira e segue à espera de novos dados

Publicado em 24/01/2019 08:36 e atualizado em 24/01/2019 13:21
640 exibições

LOGO nalogo

Ainda à espera de novidades, o mercado da soja na Bolsa de Chicago registra uma nova sessão de estabilidade nesta manhã de quinta-feira (24). Perto de 8h (horário de Brasília), as cotações subiam pouco mais de 1 ponto nos principais vencimentos, ainda sem muita força para variações muito agressivas. 

Assim, o contrato março/19 tinha US$ 9,16 e o maio/19, US$ 9,30 por bushel. As posições mais distantes seguem acima dos US$ 9,40. 

De acordo com analistas internacionais, o mercado não espera só pelas informações do mercado financeiro e ligadas à guerra comercial entre China e Estados Unidos, mas também por conclusões mais claras sobre a América do Sul. 

"A falta de novidades concretas sobre a retórica política entre os EUA e a China, coloca a especulação sem o interesse no posicio- namento unilateral no mercado, seja ele na compra ou na venda", explicam os analistas da ARC Mercosul. 

As condições climáticas seguem chamando atenção e o tempo seco no Brasil ainda preocupa muito, com especialistas acreditando que as perdas no Brasil poderiam ser ainda mais severas. A média esperada pela Reuters Interncional é de uma colheita de 117,06 milhoes de toneladas, contra o número de 120,8 milhões estimado em novembro. 

"Mesmo com problemas climáticos dispersos pela safra brasileira, os fundamentos básicos de direcionamento dos preços da oleaginosa, em específico, ainda trazem uma forte “âncora” na tentativa de novas altas", ainda de acordo com a ARC.

Veja como fechou o mercado nesta 4ª feira:

>> Preços da soja sobem no Brasil nesta 4ª feira, mas negócios ainda seguem travados

Tags:
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário