Soja trabalha estável em Chicago nesta 4ª à espera de confirmações sobre demanda da China

Publicado em 23/10/2019 07:48 719 exibições

LOGO nalogo

O mercado futuro norte-americano de soja volta a atuar com estabilidade nesta quarta-feira (23). Os preços da soja negociados na Bolsa de Chicago, por volta de 8h40 (horário de Brasília), perdiam entre 0,25 e 1,50 ponto nos principais contratos. O novembro tinha US$ 9,32 e o maio/20, US$ 9,68 por bushel. 

Segue a cautela entre os traders na CBOT. A falta de uma confirmação oficial pelos chineses da cota de 10 milhões de toneladas de soja podendo ser importada nos EUA sem tarifação deixa o mercado menos eufórico e ainda na defensiva à espera de mais notícias. 

Do mesmo modo, o mercado também observa, apesar do atraso, a boa evolução da colheita americana e espera agora por mais informações de produtividade. 

"A pressão sazonal do avanço da colheita da safra americana de soja também contribui em limitar a tendência altista, enquanto que incertezas em relação ao desfecho final da guerra comercial EUA/China mantém todos em postura defensiva", diz Steve Cachia, consultor da AgroCulte e da Cerealpar.

Veja como fechou o mercado nesta terça-feira:

>> Soja: Preços cedem no disponível nos portos com estabilidade de Chicago e baixa do dólar 

Tags:
Por:
Carla Mendes | Instagram @jornalistadasoja
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário