Soja: Chicago mantém estabilidade nesta 4ª e ainda aguarda novas notícias

Publicado em 23/10/2019 12:04 e atualizado em 23/10/2019 13:06
393 exibições

LOGO nalogo

O mercado da soja na Bolsa de Chicago segue operando com estabilidade e tímidas variações nesta quarta-feira (23). Faltam informações que possam motivar movimentos mais intensos das cotações neste momento e a cautela ajuda os traders a se manterem na defensiva. 

Perto de 12h50 (horário de Brasília), as cotações perdiam cerca de 0,25 ponto, com o novembro valendo US$ 9,33 e o maio/20, US$ 9,68. 

Nem mesmo o anúncio da venda de 128 mil toneladas de soja dos EUA para destinos não revelados foi suficiente para impulsionar as cotações nesta quarta. 

A falta de uma confirmação oficial pelos chineses da cota de 10 milhões de toneladas de soja podendo ser importada nos EUA sem tarifação deixa o mercado menos eufórico e ainda na defensiva à espera de mais notícias. 

Do mesmo modo, o mercado também observa, apesar do atraso, a boa evolução da colheita americana e espera agora por mais informações de produtividade. 

"A pressão sazonal do avanço da colheita da safra americana de soja também contribui em limitar a tendência altista, enquanto que incertezas em relação ao desfecho final da guerra comercial EUA/China mantém todos em postura defensiva", diz Steve Cachia, consultor da AgroCulte e da Cerealpar.

Tags:
Por: Carla Mendes | Instagram @jornalistadasoja
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário