Serra das Laranjeiras/PI é bloqueada após enxurrada e escoamento de soja é comprometido

Publicado em 26/03/2020 10:59 e atualizado em 26/03/2020 11:39
2883 exibições

LOGO nalogo

Há mais de uma semana o estado do Piauí vem registrando chuvas constantes e produtores de soja começam a enfrentar problemas por falta de infraestrutura na Serra das Laranjeiras, onde fica localizada PI-392 - conhecida como estrada da soja - principal via de escoamento de grãos da região. Uma forte enxurrada destruiu trecho da via no início desta semana, próxima aos municípios de Currais e Bom Jesus, no sul do Piauí. 

Alzir Pimental, presidente da Aprosoja do Piauí, afirma que as chuvas não aconteceram em grandes volumes, mas que os problemas foram ocasionados após muitos dias de chuvas e falta de infraestrutura que o produtor enfrenta todos os anos na região. Além da Serra das Laranjeiras, é possível fazer a rota por dois caminhos alternativos. Segundo o presidente, parte da serra está bloqueada, o que corresponde a cerca de 5% da produção de soja em uma região que, segundo a Aprosoja, deve ter cerca de 500 mil hectares.

Imagens enviadas ao Notícias Agrícolas mostram que o cenário foi de destruição, com muitos carros alagados e a via completamente destruída pelas águas. 
 

Serra das Laranjeiras/PI - Chuvas

Serra das Laranjeiras/PI - Chuvas

Serra das Laranjeiras/PI - Chuvas

Para utilizar os caminhos alternativos o produtor também encontra problemas e acaba tendo um custo maior com frete. "O impacto econômico vai ser no frete. Existem outras duas vias que dá para serem usadas, mas elas são mais distantes e mais penosas, vai ter um impacto direto em frete. Aqueles que conseguirem depositar em algum armazém, podem aguardar um tempo", destaca o presidente. Segundo Alzir, para o produtor o impacto será de, pelo menos, R$ 2 a mais por saca. 

O presidente afirma que os órgãos públicos já foram acionados apesar de esse ser um problema antigo conhecido de quem produz na região. Destaca ainda que o momento pede ainda mais paciêcia, tendo em vista que os poderes públicos estão todos focados em combater o Coronavírus em todo o país. 


Produtores relatam real situação na região: 

A expectativa de produtividade para a região é de 55 sacas por hectare, número que é considerado dentro da média. Até o momento Alzir destaca que as chuvas não geraram impactos negativos nas lavouras e cerca de 10% da soja já foi colhida. Vale lembrar que o trabalho de colheita este ano está começando mais tarde devido ao plantio tardio, em consequência das condições climáticas. 


Confira o vídeo da Aprosoja-PI

Produtores relatam situação na região: 

 

 

 

 

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário