Soja segue em alta nesta 6ª feira em Chicago e testa suas máximas em 11 meses

Publicado em 28/08/2020 08:00 1483 exibições

LOGO nalogo

Os preços da soja continuam subindo na Bolsa de Chicago nesta sessão de sexta-feira (28). Os futuros da oleaginosa, por volta de 7h55 (horário de Brasília), subiam entre 3,25 e 4,25 pontos nos principais contratos, levando o novembro a US$ 9,46 e o março a US$ 9,51 por bushel. 

O mercado se mantém focado entre o clima no Corn Belt e as compras da China nos EUA neste momento, com ambos os fatores dando importante suporte às cotações da oleaginosa. Assim, segundo analistas internacionais, os preços testam suas máximas em 11 meses na CBOT. 

"Após meses de letargia, o mercado internacional começa a oferecer suporte aos preços devido a forte demanda chinesa e incertezas em relação à safra amerciana", afirma Steve Cachia, consultor de mercado da Cerealpar. "Atenção redobrada hoje às atualizações das previsões climáticas para o final de semana. O furacão Laura pode levar precipitações para as áreas secas do centro-oeste americano", completa.

Veja como fechou o mercado nesta quinta-feira:

Leia Mais:

+ Soja tem máximas em 7 meses com combinação de seca em partes do Corn Belt e demanda forte

 

Tags:
Por:
Carla Mendes | Instagram @jornalistadasoja
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

1 comentário

  • Elton Szweryda Santos Paulinia - SP

    Fico imaginando os incautos que já fecharam soja safra 21 e 22..., o que estarao pensando?...

    1