Romeu Zema participa da abertura nacional do plantio da soja, em Capinópolis, no Triângulo Mineiro

Publicado em 25/09/2020 10:37 84 exibições

O governador Romeu Zema participou, nesta quinta-feira (24/9), da 9ª Edição do Projeto Soja Brasil, que marca a abertura nacional do plantio da soja para a safra 2020/2021. O evento foi realizado na Fazenda Dois Corações, em Capinópolis, no Triângulo Mineiro.

Minas Gerais é o sexto maior produtor de soja do Brasil, com participação de 5% na produção nacional. Na safra 2019/2020, o estado alcançou 6,2 milhões de toneladas produzidas, crescimento de 14,6% em relação à safra anterior, maior produção registrada na série histórica que teve início em 1976/77.

Durante a solenidade, Zema destacou a importância do grão para a economia mineira e reafirmou o compromisso de facilitar a vida do produtor rural, que gera emprego e renda no campo.

“Tudo o que depende de trabalho do Poder Executivo tem sido feito na minha gestão. Nos últimos anos, o Governo de Minas criou uma série de limitações, e agora estamos indo exatamente no caminho contrário. Eliminamos burocracias, procedimentos e estamos agilizando tudo o que depende de resposta do Estado. Nosso objetivo é que o Estado deixe de ser um obstáculo a quem produz, tanto no campo quanto nas cidades”, afirmou.

Exportação

No período de janeiro a agosto de 2020, Minas Gerais exportou cerca de US$ 1,5 bilhão de soja em grãos, farelo de soja e óleo de soja, crescimento de 40,3% em relação ao mesmo período do ano anterior. O volume alcançou 4,3 milhões de toneladas, crescimento de 47%. O complexo soja (grãos e óleo) tem participação de 27% no total exportado do agronegócio mineiro.

A secretária de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Ana Valentini, afirmou que a projeção é de crescimento do agronegócio mineiro.

“A expectativa é que tenhamos um aumento de 20% na produção agropecuária neste ano. Isso é muito importante, principalmente nesse momento de crise fiscal vivido em Minas. A agricultura tem ajudado muito e isso é fruto do trabalho do produtor rural”, disse.

O presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho do Estado de Minas Gerais (Aprosoja/MG), Wesley Barbosa, elogiou a importância de parceria entre associações e poder público para fortalecer o mercado.

“Demonstro a força que essa união tem, fazendo valer direitos, deveres e interesses dos associados para assegurar a sustentabilidade de seus negócios agrícolas, preservar o mercado nacional e internacional. Forças reunidas podem mudar o que precisa ser mudado”, defendeu.

Também participaram do evento o presidente da Faemg, Roberto Simões; o presidente da Emater-MG, Gustavo Laterza; o presidente da Aprosoja Brasil, Bartolomeu Braz; deputados estaduais e federais; entre outras autoridades.

Agronegócio em Minas

O Produto Interno Bruto (PIB) do Agronegócio de Minas Gerais cresceu 5,12% no ano passado em comparação a 2018 (Cepea/USP).

A colheita da safra de grãos (2019/2020) será recorde em 2020, com 15,4 milhões de toneladas. O café terá, também, um resultado inédito, com estimativa de colheita de 32 milhões de sacas.

As exportações do agronegócio mineiro cresceram 10% em 2020 em relação ao mesmo período do ano passado, gerando receita de US$ 5,7 bilhões.

Tags:
Fonte:
Sec. de Agricultura de MG

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário