Soja opera com leves altas antes da chegada do novo reporte do USDA nesta 3ª feira

Publicado em 10/11/2020 07:43 e atualizado em 10/11/2020 11:04 2206 exibições

LOGO nalogo

O mercado da soja opera com leves altas nesta manhã de terça-feira (10) na Bolsa de Chicago. Os futuros da commodity, por volta de 7h20 (horário de Brasília), subiam entre 2,25 e 5,25 pontos, levando o novembro a US$ 11,07 e o maio/21 a US$ 11,09 por bushel. 

O dia é de novo relatório do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) e os traders sinalizam certa cautela antes da chegada dos novos números. As expectativas são de uma redução na produção e estoques finais norte-americanas, bem como de um aumento nas exportações do país. 

+ USDA deve reduzir produção e estoques finais de soja e milho e aumentar exportações dos EUA

Paralelamente, a atenção segue ainda sobre as adversidades de clima na América do Sul e na demanda forte pela soja dos EUA. Com a falta de oferta no Brasil, a concentração das compras, principalmente da China, ainda é forte nos EUA e deve durar mais do que o mercado vinha esperando diante do atraso para a chegada da nova safra brasileira ao mercado. 

Os traders acompanham ainda a movimentação do dólar - especialmente frente ao real - e também do financeiro. Há um movimento mais positivo global diante das boas notícias ligadas à vacina para o coronavírus e especulações sobre o resultado das eleições presidenciais nos EUA e quais serão os próximos passos do presidente Donald Trump. 

Veja como fechou o mercado nesta segunda-feira:

+ Soja: Cenário de fundamentos justifica negociação entre US$ 11 e US$ 12 em Chicago, explica analista americano

Tags:
Por:
Carla Mendes | Instagram @jornalistadasoja
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário