HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

Rio Grande do Sul atrasa colheita de soja após efeitos climáticos

Publicado em 26/02/2021 07:22 e atualizado em 26/02/2021 08:32 200 exibições

LOGO REUTERS

SÃO PAULO (Reuters) - Com o plantio realizado mais tarde em função do clima seco no início da safra 2020/21, o Rio Grande do Sul ainda não registra colheita de soja, enquanto no mesmo período dos anos anteriores os trabalhos já alcançavam 2% das áreas, informou a Emater-RS nesta quinta-feira.

Atualmente, a maior parte das lavouras está em enchimento de grãos (54%), abaixo dos 61% vistos um ano antes e da média histórica para esta época do ano, de 70%. Somente 6% das áreas estão em fase de maturação, ante 14% em 2019/20.

"A alta luminosidade do período contribuiu para o bom desenvolvimento das culturas de verão. Mais a Oeste do Rio Grande do Sul, as chuvas estão mais escassas, podendo reduzir o potencial produtivo da cultura. Na maioria das demais regiões, o desenvolvimento é bom", afirmou o órgão em informativo semanal.

No milho, a colheita alcançou 48% das áreas, um avanço de 6 pontos percentuais em relação à semana anterior. No mesmo período da safra passada, os trabalhos estavam em 47%, e a média histórica é de 42%.

"Praticamente metade das lavouras de milho do Estado está colhida. Toda grande região noroeste apresentou perdas pela estiagem, e as demais regiões têm boa produção e potencial produtivo", disse a Emater.

Tags:
Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário