Soja abre a 4ªfeira ampliando ganhos em Chicago de olho no frio

Publicado em 21/04/2021 09:00 366 exibições
Condições climáticas interromperam os trabalhos em campo nos EUA

LOGO nalogo

A quarta-feira (21) começou com os preços internacionais da soja futura ampliando os ganhos na Bolsa de Chicago (CBOT). As principais cotações registravam movimentações positivas entre 0,25 e 1,50 pontos por volta das 08h41 (horário de Brasília). 

O vencimento maio/21 era cotado à US$ 14,73 com valorização de 1,50 pontos, o julho/21 valia US$ 14,58 com elevação de 0,75 pontos, o setembro/21 era negociado por US$ 13,36 com estabilidade e o novembro/21 tinha valor de US$ 12,99 com alta de 0,25 pontos. 

Segundo informações do site internacional Farm Futures, os preços da soja seguiram a alta do milho, já que o inverno interrompeu o trabalho de campo em muitas áreas dos Estados Unidos, o que desencadeou uma rodada de compras técnicas que empurrou os preços mais para cima. 

O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) informou na tarde de segunda-feira que 3% da safra foi plantada até domingo, o que está em linha com as expectativas dos analistas e à frente da média dos últimos cinco anos de 2%. Mississippi (15%), Arkansas (12%) e Louisiana (10%) fizeram o maior progresso entre os 18 principais estados de produção até agora. 

A publicação destaca que, o mau tempo, com chuva e neve, manterá os fazendeiros fora do campo. “Tempo mais frio do que o normal, com cerca de um centímetro de umidade chegando, já que a neve úmida e a chuva leve no fim de semana vão atrasar o plantio por mais 5 dias, pelo menos. Não espere ver muito milho ou soja plantados antes de 25 de abril”, observou um agricultor ouvido pela Farm Futures.

Relembre como fechou o mercado na última terça-feira:

+ Soja fecha nas máximas em 7 anos na Bolsa de Chicago com nova disparada do óleo e frio nos EUA

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário