Soja: Exportações semanais nos EUA recuam e preços sentem pressão em Chicago

Publicado em 16/12/2010 13:31 484 exibições
Os futuros da soja continuam operando com forte volatilidade em Chicago. Na abertura da sessão diurna desta quinta-feira, os preços chegaram a registrar baixas de dois dígitos. Por volta das 14h30, a soja começou a operar dos dois lados da tabela, diante dos números do USDA, do clima seco na Argentina e da fraqueza do dólar.

O fator que mais pressiona os preços é o volume das vendas semanais dos Estados Unidos. Durante o pregão noturno, as cotações avançaram e encerraram com leves ganhos.

O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) informou que o país vendeu 84,600 mil toneladas de soja da safra 2010/11 na semana que se encerrou em 9 de dezembro. O principal comprador continua sendo a China.  Além da safra 2010/11, foram vendidas ainda 89 mil toneladas da safra 2011/12.

Os embarques da oleaginosa ficaram em 1.348.300 toneladas na mesma semana. O volume teve queda de 10% em relação à semana anterior. Nesse caso, a China também é o principal destino.

Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário