Soja tem alta de dois dígitos em dia de relatório do USDA

Publicado em 12/01/2011 09:46 e atualizado em 12/01/2011 10:17 999 exibições
Os futuros da soja registram altas de dois dígitos na Bolsa de Chicago em dia de relatório de oferta e demanda do USDA e depois da queda de mais de 20 pontos na sessão de ontem.

O suporte para os preços vem da expectativa de uma expressiva redução nos estoques mundiais da oleaginosa e também da seca na Argentina que compromete a oferta no terceiro maior exportador mundial de soja.

Segundo a previsão do instituto Telvent DTN, a ausência de chuvas deve se manter pelos próximos sete dias em importantes regiões produtoras de milho e soja da Argentina. A previsão aponta também que o Brasil também sente os efeitos da seca. No Rio Grande do Sul, a temperatura será mais alta do que o normal e a incidência de chuvas deverá ficar abaixo de média, o que poderá comprometer a umidade do solo e aumentar as dificuldades das plantas em fase de desenvolvimento.

De acordo com informações da agência Bloomberg, o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) pode reduzir sua estimativa para os estoques globais da commodity para 58,78 milhões de toneladas ante o volume de 60,1 milhões de toneladas estimado em dezembro.

"O relatório deve confirmar a tensão nos estoques de soja e milho. Além disso, deve trazer também uma estimativa reduzida para a produção argentina de grãos", informou a consultoria francesa Agritel nesta quarta-feira.

Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário